Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Casas para turistas: Governo reconhece que há grande fuga ao Fisco

Gtres
Gtres
Autor: Redação

O Governo reconhece que continua a haver uma grande fuga ao Fisco no que diz respeito ao arrendamento de casas a turistas em Portugal. Segundo a secretária de Estado do Turismo, Ana Mendes Godinho, o Executivo está para já a ter uma postura flexível, mas mostra-se atento. Na calha está uma parceria com a plataforma Airbnb para acabar com os casos de arrendamento ilegal.

“Vou lançar com o Airbnb uma campanha de promoção de regularização das unidades, alertando todas as pessoas que não podem ter nem comercializar nos sites unidades que não estejam registadas. Isto é uma forma de controlar de alguma forma a oferta”, disse a governante, em entrevista à Antena 1.

Segundo Ana Mendes Godinho, o setor vai recuperar os 35 mil empregos perdidos nos últimos anos, até porque Portugal não está a ser prejudicado pelo sentimento de insegurança que se vive na Europa.

Relativamente às taxas turísticas, a responsável vê com bons olhos a implementação de novas taxas no resto do país, após a boa experiência de Lisboa. “Lisboa foi um ótimo exemplo da implementação da taxa, principalmente pela forma como foi feito, em articulação com todos, num valor que não aumenta o preço do alojamento de tal forma que as pessoas fiquem assustadas. Além disso, isto é uma tendência em toda a Europa. Pode dar resultados noutras cidades se for seguido o bom exemplo que aconteceu em Lisboa”, concluiu.