Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Consumo global de combustíveis fósseis em Portugal caiu 11% em 2020

Direção-Geral de Energia e Geologia
Direção-Geral de Energia e Geologia
Autor: Redação

O consumo global de combustíveis fósseis em Portugal caiu 11,1% em 2020, em comparação com o ano anterior, para 12,68 milhões de toneladas equivalentes de petróleo (TEP), segundo o mais recente boletim da Direção-Geral de Energia e Geologia (DGEG).

“A evolução deve-se fundamentalmente à redução do consumo de carvão utilizado nas centrais termoelétricas, assim como no consumo de combustíveis rodoviários. A quebra ocorrida em 2020 nestes derivados do petróleo foi da ordem dos 15%, quando comparado com 2019. Fazendo a mesma comparação para o jet fuel, a quebra foi de 62%. Com exceção do carvão, a redução de consumo de combustíveis está fortemente relacionada com as consequências do surto pandémico Covid-19 na atividade das empresas e dos
particulares”, lê-se no documento.

De acordo com a DGEG, os consumos de gás natural, produtos de petróleo e carvão diminuiram 1,6%, 11,2% e 50%, respetivamente, em termos homólogos, ou seja, em 2020 face a 2019.

Relativamente aos produtos petrolíferos, os que tiveram maior quebra no consumo interno foram a gasolina e o gasóleo, que registaram diminuições homólogas de 17,3% e 13,3%, respetivamente.