Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Faturas da luz e da ‘net’ disparam com teletrabalho e aulas online, e agora? Estas dicas podem ser úteis

Despesas mensais aumentam com famílias juntas em casa, em teletrabalho e com ensino à distânica, o que pode levar a incumprimentos.

Imagem de Gordon Johnson por Pixabay
Imagem de Gordon Johnson por Pixabay
Autor: Redação

Portugal está mergulhado num novo confinamento, o que significa que muitas pessoas estão em teletrabalho. A juntar a isto está o facto de ter arrancado esta segunda-feira (8 de fevereiro de 2021) o ensino à distância, o que significa que muitas famílias estão, nesta fase, juntas em casa. Ou seja, com todos em casa, a fatura da luz e da internet tendem a disparar durante este período. No artigo de hoje da Deco Alerta ajudamos-te a perceber o que podes fazer para minimizar estas despesas e, desta forma, conseguires cumprir com as tuas obrigações.

A Deco Alerta é uma rubrica semanal destinada a todos os consumidores em Portugal que é assegurada pela Deco – Associação Portuguesa para a Defesa do Consumidor* para o idealista/news.

Toda a minha família está em casa. Os miúdos em ensino à distância e eu e o meu marido em teletrabalho. Os rendimentos diminuíram e estamos com muitas dificuldades em pagar as contas, sobretudo as dos serviços públicos. Começo pela energia: tenho uma tarifa bi-horária, mas já não consigo respeitar os horários desta tarifa porque consumimos mais eletricidade durante o dia. Já recebi uma fatura com valores mais altos. Posso mudar de tarifa? O consumo de internet tem duplicado e o valor também! Já tenho uma fatura em atraso… o que devo fazer?

Não temos boas notícias no que respeita aos valores das faturas de serviços públicos. Estimamos que a fatura de eletricidade suba 25€ por mês em algumas situações, pelo que, em princípio, a tua fatura será mais alta durante alguns meses.

Em primeiro lugar, aconselhamos que dês as leituras do contador nas datas indicadas na fatura. Se verificares que o consumo está mais alto no período do dia, contacta o teu comercializador e solicita a alteração da tarifa para uma tarifa simples. Mas não te esqueças que este pedido pode demorar para ficar ativo, até lá, tenta que alguns consumos continuem a ser feitos no período de vazio (durante a noite) por exemplo: as máquinas de lavar roupa e loiça.

Quanto à fatura das telecomunicações, será aqui que certamente pagas o serviço de internet, informamos-te que a operadora é obrigada a aceitar o seu pagamento faseado. Face à atual pandemia o Governo estipulou que os operadores de comunicações eletrónicas devem elaborar um plano de pagamento dos valores em dívida.

Este plano deve ser estabelecido por acordo entre ti e a operadora de telecomunicações, ajustando-se as mensalidades aos teus rendimentos atuais. Mas tem sempre em atenção que as prestações deste acordo vão acumular com as novas faturas.

Aproveitamos para esclarecer que, se o consumidor estiver numa situação de desemprego, quebra de rendimentos do agregado familiar igual ou superior a 20%, ou infetado por Covid-19, o serviço de telecomunicações não poderá ser cortado por falta de pagamento das faturas até 30 de junho de 2021.

*Conta com o apoio da Deco através do número de telefone 21 371 02 20 e/ou do email decolx@deco.pt. Podes também marcar atendimento via skype. Segue-nos na página de Facebook, Twitter, Instagram, Youtube e Linkedin.