Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Portugal é dos países que mais favorece famílias com filhos no IRS

David Calderón on Unsplash
David Calderón on Unsplash
Autor: Redação

A carga fiscal para casais com filhos é geralmente mais baixa que aquela que é suportada pelos solteiros. Portugal destaca-se nesta matéria, estando entre os países da OCDE onde essas diferenças são mais notórias. É um dos que mais favorece as famílias com filhos no IRS.

As diferenças são visíveis quer na taxa de imposto paga, como na carga fiscal sobre o trabalho, segundo as conclusões do relatório "Tax Wages – 2019", citado pelo Jornal de Negócios. O estudo mostra que os casados com filhos (dois dependentes, dois titulares) pagaram uma taxa de imposto média sobre o seu rendimento de 9,2%, ao passo que os contribuintes solteiros sem filhos pagaram uma taxa de 15,6%. Trata-se de uma diferença de 6,5%, a quarta maior da OCDE.

Mas há mais países a discriminar positivamente as famílias com filhos. Letónia, Alemanha e República Checa conseguem ultrapassar Portugal, apresentando diferenças duas vezes superiores à média dos países da organização.

A diferença na carga fiscal suportada pelos trabalhadores com ou sem filhos era maior em 2017, altura em que os solteiros sem filhos pagavam mais 12,6% que os contribuintes com filhos.