Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Novo Banco recupera 25% de ex-projeto imobiliário do GES em Gaia

O Invesfundo III foi criado em 2006 pelo GES, para o desenvolvimento de um empreendimento em Gaia, o Douro Atlantic Garden, que nunca chegou a sair do papel.

Novo Banco recupera 25% de ex-projeto imobiliário do GES em Gaia
Novo Banco
Autor: Redação

O Novo Banco continua a recuperar dinheiro do Invesfundo III, fundo imobiliário do antigo Grupo Espírito Santo (GES), que entrou em insolvência em junho do ano passado. Até agora, a instituição liderada por António Ramalho já recuperou 25% dos 58 milhões de euros em dívida.

O Invesfundo III, recorde-se, nasceu em 2006 para o desenvolvimento de um megaprojeto imobiliário de 60 milhões em Vila Nova de Gaia. O empreendimento Douro Atlantic Garden nunca chegou a sair do papel, e o fundo entrou em insolvência em junho de 2020. 

Depois da insolvência, o administrador judicial, Bruno Costa Pereira, começou a alienar os imóveis do Invesfundo III. Até agora, tal como explica o jornal ECO, o Novo Banco conseguiu recuperar 11,1 milhões de euros, e prepara-se para encaixar mais 3,5 milhões.

O administrador de insolvência espera reaver mais dinheiro em breve. Ao que tudo indica, os futuros negócios deverão render mais 20 milhões de euros. Segundo Bruno Costa Pereira, foram aceites propostas para a venda de 12 verbas, faltando ainda a escritura de compra-venda, sendo que já recebeu três milhões de euros referentes a sinais e conta receber mais 12,7 milhões até final do ano por conta destas vendas.

Há ainda quatro verbas que não receberam qualquer oferta e que se encontra avaliadas em 8,4 milhões de euros, tal como escreve o ECO.