Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Tektónica 2021 regressa em outubro em formato híbrido – e de novo em simultâneo com o SIL

23ª edição da Tektónica – Feira Internacional da Construção, salão líder e de referência do setor em Portugal, realiza-se de 6 a 9 de outubro de 2021.

Edição de 2020 da Tektónica / Tektónica
Edição de 2020 da Tektónica / Tektónica
Autor: Redação

A 23ª edição da Tektónica – Feira Internacional da Construção, salão líder e de referência do setor em Portugal, vai realizar-se de 6 a 9 de outubro de 2021, em moldes idênticos aos da edição do ano passado, ou seja, em formato híbrido, e “uma vez mais aproveitando as sinergias de ocorrer em simultâneo com o Salão Imobiliário de Portugal (SIL)”, que decorrerá de 7 a 10 de outubro. 

“A última edição em 2020 ocorreu em condições especiais, motivadas pela pandemia, mas que ainda assim permitiu às empresas presentes obter resultados positivos e transmitir ao mercado a resiliência e a confiança deste setor”, diz a organização do evento, em comunicado.

Tektónica
Tektónica

“Tendo como referência os resultados alcançados pelas empresas e a sua motivação perante a importância de continuidade, a Tektónica 2021 vai realizar-se de 6 a 9 de outubro, uma vez mais aproveitando as sinergias de ocorrer em simultâneo com o SIL. É igualmente o confirmar da convergência de toda a fileira da construção para a criação de dinâmicas para explorar novas oportunidades de negócio”, lê-se na nota enviada às redações.

Segundo a organização da Tektónica, a feira continuará a apostar na divulgação de novidades de produtos, serviços e soluções, “com enfoque na sustentabilidade, eficiência e inovação, sendo a inovação tecnológica um fator de diferenciação na indústria da construção civil e de elevada importância para maior competitividade e produtividade das empresas”. 

Entre os temas que serão debatidos e abordados na edição deste ano estão a qualidade de vida, o conforto, a eficiência energética e a sustentabilidade da arquitetura e na construção.

“Em 2021, a Tektónica voltará a adotar o mesmo formato de evento híbrido, presencial e digital, duas vertentes que são valorizadas pelos profissionais e pelo público. Por um lado, a vertente digital, que permite criar dinâmicas para explorar novas oportunidades de negócio e chegar a ‘buyers’ estrangeiros em novas geografias; ao mesmo tempo, o formato presencial permite o contato direto entre o expositor, o profissional e o consumidor, contato esse que é altamente valorizado por todas as partes”, lê-se no documento.

A Tektónica, recorda a organização do certame, é um evento agregador de pequenas e médias empresas, startups e das empresas líderes, sendo o principal ponto de encontro do setor para os expositores, visitantes e parceiros.