Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Senhorios e inquilinos criticam Balcão Nacional de Arrendamento

BNA começou a funcionar a 11 de janeiro de 2013 e sempre gerou muita polémica.
Autor: Redação

As associações de proprietários e inquilinos criticaram o funcionamento do Balcão Nacional de Arrendamento (BNA) na reunião da comissão de acompanhamento da lei do Arrendamento Urbano, que se realizou sexta-feira, dia 14.

Citado pelo Diário Económico, Romão Lavadinho, presidente da Associação de Inquilinos Lisbonenses (AIL), defendeu a via judicial para a resolução de problemas, nomeadamente no que diz respeito ao despejo por incumprimentos nas rendas. “O BNA exige aos inquilinos obrigações que os tribunais não exigem como a caução”, frisou.

Já a Associação Lisbonense de Proprietários critica o funcionamento burocrático do BNA, que começou a funcionar a 11 de janeiro de 2013.

Notícias relacionadas

Comissão discute amanhã arrendamento habitacional

Mais de metade dos pedidos de despejo que entraram no BNA foram recusados