Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

habitação: prestação sobe apenas nos contratos com euribor a três meses

nos contratos indexados à euribor a seis, nove e 12 meses a mensalidade vai descer
Autor: Redação

boas notícias para quem pediu dinheiro emprestado ao banco para comprar casa. em agosto, mais de metade das famílias portuguesas vai ver a prestação da casa baixar, já que apenas os créditos à habitação indexados à taxa euribor a três meses vão sentir um agravamento, embora ligeiro, na mensalidade a pagar ao banco

segundo as contas do diário económico, os empréstimos associados à euribor mais curta, a três meses – a taxa mais usada em portugal para efeitos de crédito à habitação é a seis meses –, terão um aumento de 0,2% nos encargos mensais. ou seja: num empréstimo de 100 mil euros a 30 anos e com um “spread” de 1%, a prestação agrava-se cerca de 56 cêntimos, para os 331,89 euros. cenário que não se verifica nos contratos agregados às euribor a seis e 12 meses