Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Crédito à habitação: 27 mil contratos fechados em 2013, mais 16% que no ano anterior

Gtres
Gtres
Autor: Redação

Em 2013, foram celebrados 26.941 contratos de crédito à habitação em Portugal, mais 16% que no ano anterior. Segundo dados que constam no “Relatório de Acompanhamento dos Mercados Bancários de Retalho de 2013”, publicado esta terça-feira pelo Banco de Portugal (BdP), os referidos contratos tiveram um montante médio de 76.929 euros e um prazo médio de 29,5 anos. Este valor representa “uma redução, face a 2012, de 17,5%”, esclarece a entidade, salientando que o prazo diminuiu 20 meses. 

No que diz respeito à Euribor indexada aos respetivos empréstimos para a compra de casa, a maioria dos portugueses (85%) optou pela taxa variável, “63% dos quais indexados à Euribor a seis meses”. 

Spreads abaixo de 3%

Já os spreads inverteram a tendência dos últimos anos e mantiveram-se abaixo dos 3%. “Os spreads médios praticados foram cerca de 290 pontos base (2,9%)”, lê-se no relatório. 

Menos reembolsos antecipados

O BdP revelou ainda que no ano passado “verificaram-se 70.184 reembolsos antecipados de contratos de crédito à habitação (menos 8,2% do que em 2012), dos quais 45% foram reembolsos antecipados totais”. 

Mais de 40 mil créditos renegociados

De acordo com a entidade liderada por Carlos Costa, foram renegociados, em 2013, 43.229 contratos de crédito à habitação, dos quais 17% estavam em situação de incumprimento no momento da renegociação.