Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Pedro Vicente muda-se da Level Constellation para a Habitat Invest e conta porquê...

A dança das cadeiras também acontece no mundo imobiliário. Agora, Pedro Vicente “trocou” a empresa de capitais chineses Level Constellation (LC) pela portuguesa Habitat Invest (HI). “Na LC fechou-se um ciclo de construção da empresa em Portugal, e com grande sucesso”, começa por dizer ao idealista/news, confirmando que passou a integrar o conselho de administração da HI como vogal. “É um projeto com mais maturidade e em vias de grande expansão que considerei um desafio que devia agarrar”, conta. 

Ter sido diretor-geral da LC desde que a empresa se constituiu em Portugal, em 2014, foi segundo o próprio “uma experiência muito interessante e rica, até pela diferença cultural existente entre os acionistas estrangeiros [chineses] e os nacionais”. “Saio com a serenidade de achar que está feito um bom trabalho, sólido e preparado para o futuro. Sinto-me muito orgulhoso”, diz Pedro Vicente.

Segue-se uma “aventura” na HI, uma empresa privada de investimento imobiliário fundada em 2004 que tem como chairman Filipe Soares Franco e como CEO Luís Corrêa de Barros. “É uma empresa consolidada, com 14 anos, que já passou pela crise e que saiu dela de forma triunfante com o 8Building [um dos seus projetos, no Cais do Sodré, em Lisboa]. Agora sofreu uma alteração estrutural do seu ‘governance’ e está a preparar-se para em 2019 anunciar vários novos projetos e continuar a crescer”.

"O setor está vivo e dinâmico e passou agora a traduzir-se neste tipo de contratações e de mudanças"
Pedro Vicente

Uma mudança que, de acordo com Pedro Vicente, acontece também devido ao bom momento que vive o imobiliário nacional. “O setor está vivo e dinâmico e passou agora a traduzir-se neste tipo de contratações e de mudanças, que também são um sinal não só da vitalidade como também já de algum amadurecimento desta retoma", declara o gestor explicando que "quando isto acontece e as empresas se preparam para crescer como a Habitat Invest, é sinal de que o mercado não só está vivo e a crescer como também já atingiu uma certa maturidade que permite às empresas projetarem-se para o futuro de forma diferente”. 

Quem é a Habitat Invest?

A HI conta no seu portefólio com vários projetos imobiliários de excelência na região de Lisboa, como por exemplo o Duque de Loulé 70, o Marquês de Abrantes 115, o Marinha Prime, o Berlim I e o Berlim II, isto além do já mencionado (e concluído) 8Building. 

Numa entrevista recente ao idealista/news, Luís Corrêa de Barros disse que a aposta da empresa passa por colocar no mercado imóveis que possam ser também comprados por portugueses. “O primeiro projeto que estamos a vender a portugueses, e de forma muito grata, é o Duque 70”, na Avenida Duque de Loulé, perto do Marquês de Pombal, adiantou.

Quem é a Level Constellation?

É uma empresa de capitais chineses que “chegou” a Portugal em 2014, sendo responsável de projetos como o Park Avenue, o Ouro Grande, o Off Liberdade, o Classica, o CITIFLAT Centro e o antigo Hotel Monte Palace, na Lagoa das Sete Cidades, Açores.

Sobre este último projeto, Pedro Vicente remete mais informações para a própria LC, nomeadamente para a vice-presidente da empresa, Qinglei Dai, isto apesar de ter interesses no mesmo, por permanecer como acionista da empresa no projeto. 

Ainda assim, adianta que “a empreitada de reabilitação do edifício deverá ser lançada no próximo ano” e que o processo de definição da marca que irá gerir o espaço “está atrasado porque há negociações muito complexas com as marcas por causa do desenho do projeto”.