Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

MK Premium aposta nas casas para turistas: investe mais de 2 milhões em 24 apartamentos no Porto

Edifício na Rua da Alegria, no Porto  / MK Premium
Edifício na Rua da Alegria, no Porto / MK Premium
Autor: Redação

A MK Premium continua a apostar forte em Portugal. A espanhola vai agora estrear-se no mercado das casas para turistas, no Porto, onde irá investir mais de dois milhões de euros na reabilitação de três edifícios que vão dar lugar a 24 apartamentos para férias na cidade. As obras devem estar concluídas no final do ano.

São três as propriedades que a empresa de gestão de ativos imobiliários vai destinar ao alojamento local: duas localizam-se na vizinha Vila Nova de Gaia – onde a MK Premium adquiriu há precisamente um ano o seu primeiro edifício residencial na Rua Cândido dos Reis - e a terceira ficará na zona histórica do Porto.

O edifício localizado no número 287 da Rua Cândido Reis tem 425 metros quadrados (m2) e 8 apartamentos, situado muito perto do luxuoso hotel The Yeatman. No número 203 da mesma rua, a empresa irá dispor de mais 7 apartamentos numa pequena propriedade com 394 m2 de superfície com vista para o rio Douro.

O último imóvel destinado ao arrendamento de curta duração está localizado na zona histórica do Porto, mais concretamente no número 30 da Rua Alegria. Esta é a maior propriedade - com um total de 730 m2 9 apartamentos - que a MK Premium começou a reabilitar de forma integral para melhorar o seu estado de conservação.

“Valorizamos a possibilidade de entrar no mercado dos alojamentos de férias, principalmente, na cidade do Porto, onde o número de visitantes aumenta ano após ano”, esclarece o sócio fundador da MK Premium, Daniel Leiva. Para o responsável, a Invicta “tem imensos pontos de interesse”, representando uma “excelente oportunidade de, não só recuperar o legado arquitetónico destes edifícios, mas também de melhorar a sua situação arrendatária e dar resposta a este novo produto imobiliário".

Espanhola investe mais de 2 milhões em reabilitação

A empresa vai destinar mais de 2 milhões de euros aos trabalhos de reabilitação e completar o investimento total de 4 milhões de euros (juntamente com o valor de compra das três propriedades), pelo qual espera obter uma rentabilidade anual superior a 25%.

“É um investimento importante que a empresa vai fazer, com o foco de apostar nesta nova linha de negócio, totalmente nova para nós”, refere Daniel Leiva. 

“Em paralelo, ampliámos a equipa do escritório do Porto, com mais uma equipa de obra, de forma a cumprir os prazos previstos. Sem dúvida alguma que é um ano difícil, pois há cada vez menos oferta imobiliária de rotação, o que faz com que sejamos obrigados a detetar novas oportunidades no sector e, principalmente, para a nossa gestão patrimonial”, conclui o gestor.