Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Crédito malparado na construção aumentou para 4,15 milhões em janeiro

Autor: Redação

A construção é um dos setores mais afetados pela crise, e apesar dos dados mais recentes serem (um pouco) animadores, há ainda um longo caminho a percorrer rumo à recuperação. Segundo dados do Banco de Portugal (BdP), o crédito malparado – de cobrança duvidosa – na construção voltou a aumentar em janeiro, tendo atingido os 4,15 milhões de euros. Trata-se, ainda assim, do valor mais baixo desde abril do ano passado.

De acordo com o Dinheiro Vivo, que se apoia nos dados do BdP, em janeiro, o crédito malparado das empresas atingiu 11,9 mil milhões de euros, dos quais 34,8% são da construção.

A entidade revelou ainda que o volume do crédito de cobrança duvidosa pesa 12,07% do total do crédito concedido, tendo-se verificado um ligeiro agravamento face à situação verificada no final de 2013.