Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Há sete moradias à venda em Cascais que podem ser compradas… só com o exterior concluído

Promotora imobiliária Reabilita fala num projeto (Sete Cascas) inovador. Casas também podem ser compradas totalmente prontas.

Reabilita
Reabilita
Autor: Redação

Chama-se Sete Cascas e é um projeto/conceito “inovador no mercado imobiliário português”, segundo a promotora imobiliária Reabilita. “Permite aos clientes adquirirem uma casa totalmente acabada no exterior, onde podem desenhar o interior à medida das suas necessidades e gostos”, refere a empresa, em comunicado. As sete moradias geminadas em causa encontram-se em Cascais, junto à Quinta da Marinha e à Quinta da Bicuda, e já estão disponíveis para venda, podendo também ser adquiridas como produto chave-na-mão.

Segundo a Reabilita, o mote do projeto Sete Cascas é “Exterior acabado, interior em branco”, sendo esta “uma nova forma de comprar casa, em que o cliente já não precisa de comprar velho para remodelar – pode desenhar a sua casa à sua medida”. 

Reabilita
Reabilita

“São sete moradias acabadas por fora, com o interior em ‘open space’, preparado para a imaginação de cada cliente. Mas também pode ser um T4 pronto a habitar”, explica a promotora, adiantando que comprou os terrenos onde se encontram as casas em 2020, em plena pandemia da Covid-19: “O projeto está a ser desenvolvido pela nossa equipa, a partir de casa e a comercialização das moradias acontece ainda ‘em planta’. As obras estão previstas arrancar no verão”.

“Inspirados nos nossos primeiros projetos, em que reabilitávamos o exterior de edifícios em Lisboa e as suas zonas comuns, deixando a reabilitação do interior dos apartamentos a cargo de quem as adquiria, trazemos agora um novo conceito, único em Portugal: casas construídas de raiz, com o interior em ‘open space’. Este é um conceito que resolve muito bem a necessidades individuais de cada cliente, através da possibilidade de personalização, assim como todos os processos penosos e burocráticos que uma construção à medida implica”, lê-se no documento.

De referir que as moradias têm acesso independente, piscina e jardim privativos, dispondo de uma área bruta total de aproximadamente 225 metros quadrados (m2), organizados em dois pisos. “A sua disposição interior pode ser organizada com uma tipologia mínima de T3, contando ainda com uma área exterior ajardinada, entre 210 a 460 m2”, explica a Reabilita, sem revelar preços de venda. 

Reabilita
Reabilita

Independentemente da opção de aquisição escolhida – sem obras feitas no interior ou já pronta a habitar –, a reabilita adianta que as duas soluções incluem a execução da piscina, muros e portões exteriores, assim como plantação do jardim. 

“Estamos muito confiantes no sucesso deste projeto, dado que não conhecemos nenhum outro produto como este a 30 minutos de Lisboa, muito próximo do centro de Cascais. Este é um conceito que resolve muito bem a necessidades individuais de cada cliente, através da possibilidade de personalização numa habitação nova, que vá para além das típicas opções de revestimentos, assim como todos os processos penosos e burocráticos que uma construção à medida implica, levando os mesmos a poupar tempo e dinheiro”, lê-se na nota enviada às redações.

Reabilita
Reabilita

Nota: Notícia atualizada às 14h30 do dia 02 de março às 2021, sendo corrigido o nome do empreendimento para Sete Cascas. As nossas desculpas aos leitores e aos visados.