Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

rumores

Autor: Redação

patrões pedem acordo mais flexível com a “troika”: os presidentes das confederações do comércio e da indústria vão pedir ao ministro das finanças a redução no pagamento de juros do empréstimo de 78 mil milhões de euros contraído no âmbito da assistência financeira a portugal. a proposta de flexibilização do resgate incide ainda nos prazos das metas do défice e será dirigida a vítor gaspar na próxima reunião com os parceiros patronais, antes da vinda da “troika” para a quinta avaliação. no encontro, serão discutidas medidas para a competitividade das empresas e relançamento da economia (diário económico)

espanha devolve subsídio de natal em 2015: o governo espanhol vai devolver o valor correspondente ao subsídio de natal, a partir de 2015, através do sistema de pensões. o ministro da fazenda e das administração pública garantiu na sexta-feira que o subsídio será retirado de forma “excepcional e única em 2012”. mas, lá está, será devolvido, embora os funcionários públicos só acedam ao dinheiro quando se reformarem. esta é, pelo menos, a promessa do governo espanhol (agência financeira)

itália e irlanda sofreriam menos com saída do euro: o bank of america afirma que itália e irlanda seriam os países que menos "sofreriam" com a saída do euro, menos que a alemanha. "a nossa análise produziu resultados que até os leitores que não concordem com as nossas conclusões acharão interessantes", escrevem analistas do bank of america-merrill lynch. aplicando a "teoria dos jogos" à crise do euro, afirmam que a itália e a irlanda seriam os países que mais teriam a ganhar com uma hipotética saída do euro. entre os critérios estão o impacto no crescimento económico e a evolução dos custos de financiamento (jornal de negócios)

Artigo visto em
(idealista news)