Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Esta megamansão em Bel-Air está venda por mais de 90 milhões de euros em plena pandemia

O mercado imobiliário de luxo na Califórnia (EUA) parece não estar a sofrer com os efeitos da crise do novo coronavírus.

Fachada da mansão
Em Los Angeles, EUA / Tyler Hogan
Autor: Redação

Nem a pandemia consegue travar o agitado mercado das megamansões de luxo em Los Angeles, nos EUA. E eis que chegou mais um exemplar ao clube das casas de 100 milhões de dólares (91 milhões de euros). É no requintado e exclusivo bairro de Bel-Air que podemos encontrar esta casa de luxo, apelidada de "UNICA". Apresentada como uma mansão "troféu", tem mais de 3.200 metros quadrados (m2), oito quartos e mais de 20 casas de banho. 

No interior, esconde ainda um campo de basquetebol, uma piscina e uma garagem para 20 carros. No exterior, por outro lado, destacam-se os grandes jardins e, claro, uma piscina de horizonte infinito.Tem, além disso, todas as comodidades de alta gama como se de um resort de luxo se tratasse: desde sauna, spa, ginásio, lounge, bares e até cozinha ao ar livre. 

A verdade é que parece que o mercado imobiliário de luxo na Califórnia não está a sofrer com os efeitos da crise do novo coronavírus. Somente em Los Angeles foram registadas mais de 80 operações acima dos 5 milhões de dólares (cerca de 4,56 milhões euros) entre março e abril.