Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Avaliação imobiliária

Últimas notícias sobre "Avaliação imobiliária" publicadas em idealista.pt/news

Terreno da central termoelétrica do Pego vendido muito abaixo do valor da avaliação

O processo já tem alguns anos, mas volta agora a dar que falar e a gerar polémica. No início de 2004, o terreno da central termoelétrica do Pego chegou a ser avaliado por 157 milhões de euros, tendo no mesmo ano a avaliação baixado para 36 milhões de euros. No entanto, a Tejo Energia pagou à REN pelo mesmo “apenas” 23 milhões de euros, isto em 2007.

Notícia sobre:

Auditor duvida de avaliação de 200 milhões do terreno do Novo Banco

O terreno das Amoreiras para onde o Novo Banco deverá transferir a sua sede e outros serviços foi avaliado em mais de 200 milhões de euros. O valor atribuído pelos peritos não está, ainda assim, a gerar consensos. O auditor do fundo de investimento imobiliário, dono do terreno em causa, tem dúvidas sobre as avaliações que foram feitas.

Notícia sobre:

Reabilitação urbana: “Ainda há muito por fazer em Lisboa e imensas oportunidades" de negócio

Reabilitação urbana, residências para idosos e estudantes, a par de espaços de coworking e coliving são os segmentos mais em alta no setor imobiliário em Portugal, sobretudo em Lisboa, onde existem "muito e boas oportunidades de negócio", adianta ao idealista/news António Braz, managing director da Gesvalt, consultora espanhola especializada em investimento e avaliação de ativos.

Notícia sobre:

Avaliadores de imóveis obrigados a ter seguro civil a partir de junho

Os avaliadores de imóveis passam a ser obrigados a ter um seguro civil, a partir do póximo mês de junho. As novas regras, determinadas no âmbito da Portaria n.º 124/2018, de 7 de maio, aplicam-se a todas as pessoas singulares ou coletivas que prestem serviços a entidades do sistema financeiro da área bancária, mobiliária, seguradora e resseguradora e dos fundos de pensões.

Notícia sobre:

Prédios rústicos vão ser alvo de nova avaliação fiscal a partir deste ano

Depois do processo de avaliação geral dos prédios urbanos, que terminou em 2013, agora é a vez de serem avaliados os prédios rústicos. O objetivo do Governo é arrancar com a iniciativa ainda este ano, para todos os prédios rústicos com uma área igual ou superior a 50 hectares, estando agora o Executivo a trabalhar para criar as condições técnicas e jurídicas necessárias ao procedimento.

Notícia sobre:

Relatórios de avaliação de imóveis devem ser sempre entregues aos clientes, diz Banco de Portugal

Os relatórios de avaliação de imóveis dados como garantia de empréstimos devem ser entregues aos clientes, sempre que estes são pagos total ou parcialmente por estes e independentemente da finalidade do crédito. Trata-se de uma recomendação do BdP, que já tinha recomendado, em 2010, a entrega aos clientes dos relatórios.

Notícia sobre:

bancos voltam a cortar na avaliação de casas (gráficos)

Notícia sobre:

Como funciona a avaliação de uma casa

Notícia sobre: