Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Peritos

Últimas notícias sobre "Peritos" publicadas em idealista.pt/news

Honorários dos peritos avaliadores “continuam muito baixos face à responsabilidade” que têm

Este é um tema para o qual não há um pré-pandemia e um pós-pandemia. Falamos dos honorários dos peritos avaliadores de imóveis, um assunto que na opinião de Paulo Barros Trindade, presidente da direção da Associação Profissional das Sociedades de Avaliação (ASAVAL), “continua a manter-se como um dos centrais na atividade dos peritos avaliadores”. “Os honorários continuam muito baixos face à responsabilidade que os peritos avaliadores assumem no desempenho do seu trabalho”, diz o responsável, em entrevista ao idealista/news.

Notícia sobre:

Peritos avaliadores imobiliários juntam-se hoje em Lisboa: “Esperamos mais de 300 pessoas”

A Associação Profissional das Sociedades de Avaliação (ASAVAL) realiza esta sexta-feira um congresso em Lisboa que tem como tema “O Valor de Mercado como Base de Avaliação”. “Esperamos mais de 300 pessoas, sendo expectável que este seja o congresso ASAVAL mais concorrido de sempre”, diz ao idealista/news Paulo Barros Trindade, presidente da entidade.

Notícia sobre:

IMI: avaliadores revêm coeficientes de localização dos imóveis – e queixam-se dos honorários

Agosto é um mês decisivo para a revisão dos coeficientes de localização, usados para efeitos de determinação do VPT dos imóveis – e para apurar o IMI a pagar. Os peritos estão a ultimar a referida revisão, mas queixam-se dos honorários.

Notícia sobre:

Avaliadores imobiliários vão ter regras mais apertadas e ser sujeitos a multas a partir de novembro

Os peritos de avaliação de imóveis que prestam serviço a entidades do sistema financeiro português vão ter, a partir de 13 de novembro, que respeitar um conjunto de novas regras mais exigentes. Uma das novidades é que só poderão exercer a atividade de avaliadores imobiliários quem estiver registado na CMVM. E quem não cumprir as novas regras poderá ser sujeito a coimas de até 300 mil euros.

Notícia sobre:

Certificados energéticos valorizam casas 10%

Todos os anúncios de venda e arrendamento de imóveis têm de indicar a sua classe energética. Mas o responsável pela direção de auditoria de edifícios da ADENE, Rui Fragoso, garante que mais do que um custo, um certificado é uma mais valia. Vê o vídeo do Idealista News Portugal e fica a saber porquê.

Notícia sobre: