Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Pires de Lima

Últimas notícias sobre "Pires de Lima" publicadas em idealista.pt/news

“Se a Uber é sentida como uma ameaça é porque tem clientes”, diz Pires de Lima

Milhares de taxistas protestaram esta terça-feira em marcha lenta no Porto, em Lisboa e em Faro contra o transporte de passageiros por condutores através da aplicação eletrónica Uber. Para Pires de Lima, ministro da Economia, “a Uber existe porque há consumidores que a procuram”. “Se a Uber é sentida como uma ameaça é porque tem clientes”, frisou.

Notícia sobre:

Reabilitação: programa Jessica beneficiou 139 projetos e foram investidos mais de 130 milhões

António Pires de Lima, ministro da Economia, andou ontem a passear por Lisboa, tendo visitado três projetos de regeneração urbana que beneficiaram de financiamento do programa Jessica. Ao todo, o programa beneficiou 139 projetos em todo o país e o apoio financeiro superou os 130 milhões de euros.

Notícia sobre:

Vistos gold: Decreto para desbloquear emissões já está concluído

O Governo deverá aprovar a regulamentação dos vistos gold na reunião de hoje (dia 16) do conselho de ministros. A ministra da Administração Interna Anabela Rodrigues já concluiu o decreto que irá desbloquear a concessão daquele tipo de autorizações de residência. Desde o início do mês que a emissão de novos vistos gold está suspensa, após decisão do SEF.

Notícia sobre:

Governo prevê que mais de 17 milhões de turistas visitem Portugal este ano

Há cada vez mais pessoas que escolhem Portugal para fazer turismo. Uma tendência que se deve manter este ano. Segundo o ministro da Economia, Pires de Lima, em 2015, o setor “vai bater mais um recorde ao ultrapassar os 17 milhões de turistas”.

Notícia sobre:

Greve da TAP, sem êxito, custou 35 milhões de euros de prejuízo

A greve de dez dias efetuada pelos pilotos da TAP custou 35 milhões de euros à empresa, apesar de ser classificada pelo Governo como um fracasso. O valor do prejuízo para a companhia aérea portuguesa que está em processo de privatização foi avançado pelo ministro da Economia.

Notícia sobre:

Greve da TAP: 17 milhões de prejuízo em cinco dias

O ministro da Economia, António Pires de Lima, revelou esta quarta-feira à noite que em cinco dias de greve – entre sexta-feira (dia 1) e terça-feira (dia 5) – a TAP teve um prejuízo de 17 milhões de euros. Um valor que pode chegar aos 35 milhões de euros.

Notícia sobre:

Construção do novo terminal de Lisboa no Barreiro avança em consenso

A Baía do Tejo, empresa que pertencente à Parpública, apoia a decisão do Governo de construir o novo terminal de contentores de Lisboa no Barreiro, conforme foi ontem assumido pelo ministro da Economia António Pires de Lima.

Notícia sobre:

Licenciamentos de obras nas casas dos ministros das Finanças e Economia estão a ser investigados

Os licenciamentos de obras nas casas da ministra das Finanças, Maria Luís Albuquerque, e do ministro da Economia, Pires de Lima, estão a ser investigados. O presidente da câmara de Cascais e vice-presidente do PSD, Carlos Carreiras, já mandou abrir um “processo de inquérito”, para apurar se os funcionários que licenciaram as obras cometeram ilegalidades.

Notícia sobre:

Rumores do dia

Banco de Fomento começa a funcionar até outubro: O Banco de Fomento deverá estar a funcionar até setembro ou outubro deste ano, disse António Pires de Lima. O ministro da Economia adiantou, no entanto, que o Governo aguarda ainda a autorização do Banco de Portugal (BdP). “Independentemente desse timing, nós temos realmente de respeitar o timing do BdP”, explicou o governante, na comissão parlamentar de Economia e Obras Públicas. (Dinheiro Vivo)

Notícia sobre:

Rumores do dia

Pires de Lima diz que retoma económica ainda não chega a todos: Pires de Lima, ministro da Economia, espera que a consolidação orçamental possa abrir margem para reduzir a carga fiscal nos próximos anos e adiantou que ainda há um caminho a percorrer para que as pessoas sintam a recuperação económica. “Há um caminho importante a fazer para que esta retoma económica possa chegar ao bolso da generalidade dos portugueses”, disse.

Notícia sobre: