Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Rendas em Lisboa

Últimas notícias sobre "Rendas em Lisboa" publicadas em idealista.pt/news

Subida das rendas em Lisboa abranda (mas estão em máximos de oito anos)

Arrendar casa em Lisboa é mais caro que há um ano, mas a subida dos preços está a abrandar. No segundo trimestre do ano, as rendas das casas na capital subiram 1,8% face ao trimestre anterior e 17% em termos homólogos. Aumentos inferiores aos verificados nos primeiros três meses do ano, quando as rendas dispararam 4,6% em termos trimestrais e 20% em termos homólogos.

Notícia sobre:

Rendas das casas vão subir 0,5% em 2017

Boas notícias para inquilinos; más notícias para senhorios. As rendas de habitações em Portugal, depois de dois anos de estagnação, vão subir em 2017, mas pouco. A atualização do valor deverá fixar-se à volta dos 0,5%, tendo em conta o valor do Índice de Preços do Consumidor (IPC), publicado esta quarta-feira pelo Instituto Nacional de Estatística (INE). Ainda assim será o maior aumento desde 2014.

Notícia sobre:

Arrendamentos de escritórios disparam em Lisboa

A absorção no mercado de escritórios de Lisboa nos primeiros quatro meses de 2016 ascendeu a 39.571 m2, mais 23% que no período homólogo (32.118 m2). Em causa estão dados que constam no Office Flashpoint de abril da consultora imobiliária JLL.

Notícia sobre:

Lisboa: Avenida da Liberdade e Chiado têm as rendas comercias mais caras

A Avenida da Liberdade e o Chiado são as zonas de Lisboa com rendas mais caras no segmento comercial. O valor mensal pago nestas áreas pode variar entre os 50 e os 90 euros por metro quadrado (m2). Nas restantes zonas da capital a renda pedida pelos senhorios/proprietários é bem mais baixa: varia entre os 10 e os 35 euros.

Notícia sobre:

Ateneu e Grémio Literário da capital com aumento "brutal" de rendas

A nova lei das rendas, que entrou em vigor em novembro de 2012, continua a gerar muita polémica. Em algumas coletividades de Lisboa, por exemplo, as rendas aumentaram 30 vezes. O Ateneu da Madre Deus, na freguesia do Beato, e o Grémio Literário, na Baixa, são dois bons exemplos, pelo que a solução passou por aumentar as quotas ou encontrar novas formas de exploração.

Notícia sobre:

Lisboa: rendas descem 11,4% em três anos

O mercado de arrendamento está a ganhar cada vez mais adeptos, sobretudo entre os jovens, e os valores praticados têm vindo a baixar. Uma situação que justifica a maior procura de imoveis para arrendar. Nos últimos três anos (entre 2010 e 2013), as rendas no concelho de Lisboa desceram 11,4%.

Notícia sobre:

Rendas abrandam ritmo de quebra

Notícia sobre:

Rendas aumentam no Porto

Notícia sobre: