Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Crédito à habitação: bancos emprestaram menos 80 milhões de euros

Gtres
Gtres
Autor: Redação

Os bancos parecem estar mais disponíveis para financiar a compra de casa, mas, ainda assim, o valor concedido para crédito à habitação nos primeiros três meses do ano foi inferior ao verificado no último trimestre do ano passado: 500 milhões de euros face aos 580 milhões registados nos últimos três meses de 2013.  

De acordo com o SOL, que se apoia em dados do Market Outlook de junho de 2014 do Gabinete de Estudos da Associação de Profissionais e Empresas de Mediação Imobiliária de Portugal (APEMIP), a prestação média dos novos créditos à habitação também não sofreu grandes alterações, mantendo-se entre 325 e 334 euros. Valores idênticos aos verificados nos três meses anteriores. 

O spread médio também se manteve praticamente igual, variando entre 2,88% e 3,05% (valores mínimos) e 3,57% e 3,95% (valores máximos).  

No que diz respeito ao crédito mal parado na habitação, manteve-se entre os 2,25% em outubro de 2013 e os 2,33% em março de 2014.