Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Rumores

Autor: Redação

Troika quer cortes permanentes de dois mil milhões de euros: O Governo ficou de apresentar à troika cortes permanentes na ordem dos dois mil milhões de euros para poder concluir a 11ª avaliação ao programa de ajustamento português. Segundo o Diário Económico, as medidas que a ministra das Finanças disse ter de apresentar são, na prática, as alterações na tabela remuneratória da Função Pública e os cortes nos suplementos remuneratórios, que servem para substituir os cortes salariais transitórios, que estão em vigor desde 2011. (Diário Económico)

Novo corte nas pensões em vigor a partir de abril: Os mais de 165 mil pensionistas que serão afetados pelo novo alargamento da Contribuição Extraordinária de Solidariedade (CES) só sentirão o corte nas pensões a partir de abril. Isto porque, segundo o Jornal de Notícias, o Orçamento Retificativo que alarga a CES para as pensões acima dos mil euros só deverá começar a ser aplicado em abril. A antecedência com que as pensões têm de ser processadas (as da Segurança Social a 10 de março e as da Caixa Geral de Aposentações entre 18 e 19 de março) impede que os reformados com pensões entre os mil e os 1.350 euros sejam sujeitos à nova taxa já neste mês. (Noticias ao Minuto)

Percentagem de trabalhadores com sinais de esgotamento quase duplicou: As situações de esgotamento e de stress nas empresas estão a crescer de forma preocupante, revela um estudo apresentado esta quarta-feira na Comissão Parlamentar de Saúde. Segundo a Associação Portuguesa de Psicologia da Saúde Ocupacional (APPSO), que fez a avaliação, estamos perante “um problema de saúde pública”. O documento revela que a percentagem de trabalhadores que se encontra num estado de esgotamento aumentou substancialmente entre 2008 e 2013. No ano passado, 15% dos trabalhadores inquiridos evidenciavam sinais de esgotamento, face aos 9% verificados em 2008. (Público)

Artigo visto em
idealista news