Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

alqueva: dívida das empresas insolventes da saip ronda os 53 milhões de euros

Autor: Redação

a sociedade alentejana de investimento e participações (saip), promotora do maior complexo turístico no alqueva, esclareceu que o valor da dívida das suas empresas insolventes é de quase 53 milhões de euros. fonte oficial da saip adiantou que a dívida total das sociedades responsáveis pelo parque alqueva - actual roncão d'el rei -, no concelho de reguengos de monsaraz, ronda os 52,88 milhões de euros

segundo o diário económico, que cita os dados revelados pela saip à agência lusa, a dívida de terceiros é de pouco mais de 16 milhões de euros ao bpi, a que se somam 403 mil euros ao bcp. relativamente aos "outros credores", a saip integra os 7,2 milhões de euros de apoios públicos que recebeu, a grande maioria com verbas do quadro de referência estratégico nacional (qren), correspondendo ao estado um investimento de "menos de 20%"

já o montante devido a fornecedores é de 1,25 milhões de euros, sendo que há ainda uma dívida de 1,26 milhões de euros a "outros". fonte da empresa revelou ainda que “acrescem 15,7 milhões de euros a liquidar” à cgd e que há “11 milhões de euros" contabilizados como "perda do accionista"

sublinhe-se que o grupo saip revelou, na semana passada, que apresentou a processo especial de insolvência quatro das suas empresas

notícia relacionada