Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

lisboa: prazo de candidaturas ao subsídio municipal de arrendamento alargado até final do mês

período de candidaturas começou a 2 de setembro
Autor: Redação

o período de candidaturas para a atribuição do subsídio municipal de arrendamento (sma), em lisboa, foi prolongado por 30 dias, terminando agora em 31 de outubro. numa nota publicada no site, a câmara municipal de lisboa (cml) revelou que o alargamento do prazo tem como objectivo que o sma abranja “o maior número de beneficiários possível”. “o município de lisboa decidiu alargar a possibilidade de candidatura a todos os que não tiveram conhecimento atempado deste projecto, prorrogando o prazo por mais um mês”, refere a autarquia

de acordo com o jornal i, que se apoia na nota divulgada pela cml, o período de candidaturas começou a 2 de setembro para qualquer pessoa que arrendou ou comprou casa e que actualmente tem o seu rendimento diminuído. as candidaturas estão abertas para quem tiver concorrido à atribuição de habitação municipal, tenha um contrato de arrendamento anterior a 1990, uma casa penhorada pelos serviços das finanças ou esteja em incumprimento no pagamento desde novembro

outra das condições pode ser a perda de habitação por acção judicial e famílias em que um dos elementos esteja desempregado ou em que haja uma diminuição dos rendimentos de 35% ou mais

sublinhe-se que a cml dispõe de uma verba de mais de dois milhões de euros para esta medida durante o corrente ano

notícias relacionadas

lisboa: candidaturas ao subsídio municipal de arrendamento já arrancaram

lisboa discute subsídio municipal de arrendamento

lisboa: câmara quer criar um subsídio municipal de arrendamento