Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Escritório de empresas

Últimas notícias sobre "Escritório de empresas" publicadas em idealista.pt/news

Odivelas à caça de investidores: vende-se terreno de 4.885 m2 para escritórios às portas de Lisboa

Numa altura em que Lisboa enfrenta o problema da escassez de espaços de escritórios, começam a surgir oportunidades às suas “portas”. Em Odivelas, fora da área da grande cidade, o Millennium bcp tem à venda um lote de terreno por 3,25 milhões de euros.

Notícia sobre:

Ocupados quase 83.000 m2 de escritórios em Lisboa em seis meses

Nos primeiros seis meses do ano, a área de escritórios contratada em Lisboa situou-se nos 82.862 metros quadrados (m2), mais 6% que em igual período do ano passado (78. 081 m2, em 2017), segundo os dados divulgados pela Savills Aguirre Newman.

Notícia sobre:

BNP Paribas realiza maior operação de arrendamento no Grande Porto…

O banco francês BNP Paribas vai instalar-se no Urbo Business Centre, em Matosinhos, a partir de 2019. Trata-se da maior operação de arrendamento de um edifício de escritórios para um único ocupante de que há registo no mercado imobiliário do Grande Porto.

Notícia sobre:

JLL vai gerir e comercializar edifícios de escritórios em Lisboa e Porto detidos pela Dos Puntos

O portefólio de escritórios em Portugal detidos pela imobiliária espanhola Dos Puntos Asset Management, que abrange 27.884 metros quadrados (m2) distribuídos por cinco edifícios em Lisboa e no Porto, será dinamizado pela consultora JLL. Em causa estão os edifícios Duque de Loulé 106, Duque de Palmela nº11 e Meridiano, na capital, e a Torre Burgo e o Centro Burgo, na Invicta.

Notícia sobre:

Expansão de empresas representa 49% da área de escritórios contratada em Lisboa

A área de escritórios contratada em Lisboa em fevereiro totalizou 8.400 metros quadrados (m2), menos 38% que no período homólogo. Em janeiro e fevereiro foram efetuadas 13 transações referentes a empresas em expansão: os 10.845 m2 de área contratada por estas representam 49% no mercado de escritórios.

Notícia sobre:

Fundo imobiliário catalão MK Premium abre escritórios em Portugal

Depois de abrir o primeiro escritório em Madrid em finais do ano passado, a MK Premium – um fundo imobiliário catalão – decidiu dar um salto internacional com a inauguração das primeiras delegações em Portugal, em Lisboa e no Porto. Com esta estratégia de expansão, a empresa espera faturar sete milhões de euros.

Notícia sobre:

Lisboa: escritórios registam a maior taxa de ocupação desde 2009

Em 2017 foram ocupados 165.152 metros quadrados (m2) de espaços de escritórios em Lisboa, mais 15% que no ano anterior. Segundo a Worx, a zona 6 (Eixo da A5) foi a que revelou maior dinâmica, com 41.886 m2 colocados. Esta zona representou 25% do volume total de ocupação, seguida da zona 4 (Eixo da Av. Infante Santo e Av. 24 de Julho), com 36.033 m2, e da zona 1 (Prime CBD), com 35.063 m2.

Notícia sobre:
Microsoft

Assim será a nova sede da Microsoft: vai custar quase 130 milhões

A Microsoft divulgou os planos de construção para aquele será o seu "campus do futuro", em Redmond, Washington (EUA). Renovada, moderna e preparada para receber 8.000 novos trabalhadores: assim será a nova sede da gigante tecnológica. A empresa revelou que irá iniciar a construção do campus, que terá 18 novos edifícios e cujo investimento rondará os 130 milhões de euros.

Notícia sobre:

Este moderno edifício de escritórios em Cascais está à procura de inquilinos

A arquitetura de linguagem contemporânea assinada por Frederico Valsassina é uma das imagens de marca deste imóvel, implantado na zona de Cascais. O Design Building, um edifício de escritórios, está disponível no mercado de arrendamento e... à procura de inquilinos. São 3.900 metros quadrados (m2) que se destacam pelo aspeto sóbrio, mas de grande impacto visual.

Notícia sobre:
Microsoft

Os novos escritórios da Microsoft são (bem) originais...

E se, a partir de amanhã, chegasses ao trabalho e te fosses sentar... numa árvore? Na Microsoft já é possível. O campus da empresa, em Redmond (Washington/EUA), é composto por um conjunto de edifícios corporativos com várias zonas verdes e dedicadas ao descanso, mas ainda assim tem um caráter puramente funcional. No entanto, a gigante da informática, numa recente iniciativa, decidiu criar novos espaços, digamos que... bem originais. São nada mais nada menos que três casas na árvore, que permitem a todos os funcionários ter reuniões de uma forma mais descontraída e pensar “fora da caixa”, ou como quem diz, pensar fora de quatro paredes.
Notícia sobre: