Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Lojas em Lisboa

Últimas notícias sobre "Lojas em Lisboa" publicadas em idealista.pt/news

Há uma loja em Lisboa que procura novo inquilino – tem 282 m2 e situa-se na zona ‘prime’ da capital

Uma loja situada no número 14 da Avenida Fontes Pereira de Melo, no coração de Lisboa, está agora no mercado de arrendamento. Encarregues da sua comercialização pela proprietária Sonagi estão as consultoras Cushman & Wakefield e CBRE.

Notícia sobre:

Batipart Immo compra portfólio “Alma” ao Grupo Adeo por 500 milhões – são 42 ativos em 4 países

Os franceses da Batipart Immo compraram 80% da estrutura que integra o capital do portfólio “Alma” ao Grupo (também francês) Adeo, numa operação de ‘sale and leaseback’ avaliada em 500 milhões de euros. O negócio incluiu a compra de sociedades e a aquisição de 42 ativos imobiliários localizados em Portugal, Espanha, França e Itália, arrendados pela Leroy Merlin, Bricoman e Bricomart, revelou, em comunicado, a Morais Leitão (ML), que atuou no negócio em representação dos compradores. 

Notícia sobre:

BCP está a vender 21 lojas no edifício Alexandre Herculano 50 por 1,7 milhões

O Millennium bcp tem à venda 21 lojas em Lisboa, nas galerias comerciais que integram o edifício Alexandre Herculano 50. A venda será conjunta e o futuro comprador terá de desembolsar 1,7 milhões de euros.

Notícia sobre:

Chiado continua a ser 33ª zona comercial mais cara do mundo

O Chiado, no coração de Lisboa, é pelo segundo ano consecutivo a localização mais cara de Portugal – e a 33ª a nível mundial – para o comércio de rua. A renda prime na Rua Garret, eixo de referência no Chiado, valorizou 44% desde 2013, estando agora avaliada em 1.560 euros por metro quadrado (m2) por ano. A zona de Causeway Bay, em Hong Kong é a zona de comércio de rua mais cara do mundo.

Notícia sobre:

As rendas de comércio mais caras do país estão... no Chiado

É em Lisboa que se concentram as rendas de comércio mais caras do país. Mais propriamente no Chiado, que registou uma valorização de 15% na sua renda de referência, situando-se agora nos 1.380 euros anuais por metro quadrado (m2). Segundo o estudo Main Streets Across the World 2017, publicado pela consultora imobiliária Cushman & Wakefield, o Chiado manteve a sua posição no ranking mundial, ocupando o 33º lugar.

Notícia sobre:

Comércio lisboeta: rendas prime aumentaram 70% em cinco anos

As rendas prime do comércio de rua em Lisboa desde 2012 que não param de aumentar. Em cinco anos os valores cresceram cerca de 70%, de tal forma que se antes as rendas rondavam os 75 euros por metro quadrado (m2) por mês, agora os espaços comerciais custam em média cerca de 130 euros mensais. A consultora JLL diz que a "culpa" desta subida galopante é das alterações à lei do arrendamento urbano.

Notícia sobre:

Lx Factory comprada por franceses apanha arrendatários de surpresa

Depois de uma década a somar sucessos, o famoso Lx Factory, localizado em Alcantâra, foi comprado pelos franceses do Grupo Keys à sociedade portuguesa Mainside. Os novos donos garantem que não vão alterar o conceito do empreendimento e os arrendatários mostram-se surpreendidos em relação à venda, já que ninguém sabia do negócio.

Notícia sobre:

...E a rua portuguesa com maior tráfego pedonal é...

A Rua de Santa Catarina, no Porto, é a artéria com o maior tráfego pedonal em Portugal. Seguem-se a Rua Augusta e a Rua Garrett, em Lisboa. Em causa estão dados que constam no estudo “Comércio de Rua em Lisboa e Porto”, realizado pela consultora imobiliária CBRE.

Notícia sobre:

Nova concept store da Springfield abre portas no Chiado

O Grupo espanhol Cortefiel, que está presente em 85 países com cinco marcas – Cortefiel, Pedro del Hierro, Women’secret, Fifty Factory e Springfield –, continua a crescer em Portugal. Recentemente foi inaugurada na Baixa de Lisboa, na Rua Nova do Almada, no Chiado, a nova “flagship” da Springfield. Trata-se uma loja com 210 m2 onde serão comercializados artigos de homem e mulher.

Notícia sobre:

Rendas das lojas de rua disparam em Lisboa e no Porto

Arrendar uma loja em Lisboa e no Porto é cada vez mais caro, o que se deve sobretudo à forte procura e à falta de espaços disponíveis no mercado. Segundo o estudo “Perspetiva Imobiliária”, da consultora imobiliária CBRE, as rendas prime nas lojas do Chiado (Rua Garrett) e da Rua Augusta, em Lisboa, subiram 5% e 21% num ano, respetivamente. No Porto, as rendas prime na Rua de Santa Catarina dispararam 29%.

Notícia sobre: