Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Tendências imobiliário

Últimas notícias sobre "Tendências imobiliário" publicadas em idealista.pt/news

Imobiliário continuará de boa saúde em 2020 - mas porquê? Especialistas explicam

Que desafios enfrenta o mercado imobiliário? E qual o real impacto das medidas do Governo? Portugal continuará na mira dos investidores? O idealista/news falou com vários especialistas sobre o que esperar do novo ano, antecipando tendências, comportamentos de mercado, riscos e oportunidades de negócio para os próximos meses.

Notícia sobre:

Marie Kondo troca adultos por miúdos e ensina-os a "arrumar a vida" para serem mais felizes

A guru japonesa da arrumação, que meteu o mundo inteiro num frenesim a reorganizar as casas e a dar dicas aos adultos para terem uma vida mais simples e feliz, decidiu agora orientar-se para o público infantil. Marie Kondo anunciou que a 5 de novembro de 2019 vai lançar o seu primeiro livro para crianças, "Kiki & Jax: The Life-Changing Magic of Friendship".

Notícia sobre:
Houzz

As 11 tendências de decoração para 2019

Se queres ter uma casa com os últimos “gritos” da decoração lê este artigo até ao fim. Ficarás a saber o que será tendência em 2019. Aposta em tons escuros e quentes nos têxteis e na casa de banho opta pelo branco e por materiais naturais. Estas são as tendências de decoração que triunfarão em 2019, segundo o Houzz.

Notícia sobre:
Tendências de decoração à moda da Finlândia

Ideias de decoração: 5 dicas para dares um toque nórdico à tua casa

A Helsinki Design Week – acontece todos os anos, em setembro – antecipa as tendências de decoração do próximo ano com exposições, eventos, mercados e debates sobre design, moda e cultura urbana. A edição deste ano focou-se no mobiliário local, em objetos únicos de coleção, mas também na sustentabilidade. Mostramos-te as ideias que mais saltaram à vista.
Notícia sobre:
Hiroyuki Shinozaki Architects

Casas sem paredes: 10 impressionantes exemplos de como aproveitar o espaço ao máximo

Uma das formas mais efetivas de ganhar espaço em casa é acabar com as paredes sempre que for possível. Um pouco por todo o mundo, a moda dos espaços abertos tem vindo a ganhar cada vez mais adeptos, e são muitos os gabinetes de arquitetura que desenham espaços quase sem divisões feitas de muros.
Notícia sobre:
Creative commons

Investimento em imobiliário comercial pode chegar aos três mil milhões de euros em 2018

Destino para investir, morar, trabalhar, estudar ou visitar. Portugal continuará na mira dos investidores? Sem dúvida. 2017 foi um ano recorde, com o investimento em imobiliário comercial a atingir os 1,9 mil milhões de euros, mas os números vão seguir a passo acelerado. As estimativas “mais prudentes” da JLL apontam para um crescimento na ordem dos 25% em 2018, o equivalente a 2,5 mil milhões, mas poderá chegar aos três mil milhões, ou seja, um crescimento de 50%.

Notícia sobre:

Cerca de 90% das casas em Lisboa estão vendidas antes de estarem prontas

O mercado imobiliário está (mesmo) de boa saúde. E recomenda-se, claro. Nove em cada dez casas que são atualmente construídas em Lisboa são vendidas ainda em planta. Os dados são da consultora imobiliária CBRE e revelam uma tendência para o próximo ano: serão poucas as casas a não estarem vendidas mesmo antes da obra estar terminada.

Notícia sobre:
Annie Spratt/Unsplash

Disrupção, flexibilidade e coworking? Uma tendência do imobiliário em 2018 (há outras)

O imobiliário continua e continuará a ser uma tendência. A estar na moda e a ultrapassar expectativas. Mas e quais são as perspetivas para 2018? São boas. Mas só dizer boas não chega. Disrupção, inovação e flexibilidade. Estas foram algumas das palavras mais ouvidas durante a conferência da CBRE sobre as “Tendências do Imobiliário para 2018”. E há uma tendência que salta à vista. Falamos do Flexible Office Space, ou como quem diz, dos Escritórios Flexíveis.

Notícia sobre:

Mais de 65% dos jovens até 37 anos preferem arrendar casa e pagam até 600 euros

Mudam-se os tempos, mudam-se as vontades. Isso mesmo é o que está a acontecer no mercado português de imobiliário, com o arrendamento a destacar-se como a grande tendência do momento dos clientes mais jovens, num país tradicionalmente de proprietários. Mais de 65% da geração Millennials, entre 17 e 37 anos, preferem arrendar casa e apenas 34,4% optam pela aquisição de imóveis. E cerca de 78% destes jovens pagam até 600 euros e apenas 19,5% estão disponíveis para pagar até 1000 euros.

Notícia sobre: