Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Avaliação bancária

Últimas notícias sobre "Avaliação bancária" publicadas em idealista.pt/news

CMVM aceita medidas extraordinárias nas avaliações de imóveis

Desde o rebentar da atual crise, gerada pela pandemia do coronavírus, que os bancos e os peritos avaliadores têm vindo a adotar medidas extraordinárias nas avaliações de imóveis, de forma a manter o negócio, num contexto de confinamento e distanciamento social. Agora o regulador desta atividade veio dar luz verde a procedimentos fora das práticas habituais, desde que sejam cumpridas determinadas regras. As recomendações da CMVM - Comissão do Mercado de Valores Mobiliários constam de uma carta-circular, com data desta segunda-feira, dia 30 de março de 2020, e que produz efeitos durante o período de estado de emergência e 15 dias após o seu termo.

Notícia sobre:

Avaliação bancária de casas soma e segue: chega aos 1.330 euros por m2 em janeiro

O valor médio a que os bancos avaliam as casas em Portugal para efeitos de concessão de crédito à habitação está a subir há quase três anos, desde abril de 2017. Em janeiro de 2020 fixou-se nos 1.330 euros por m2, mais nove euros que no mês anterior e mais 104 euros que no mesmo mês do ano passado. Trata-se de um novo máximo histórico, pelo menos desde que o INE tem dados, janeiro de 2011.

Notícia sobre:

Avaliação bancária de casas bate recordes: valor por m2 subiu 101 euros num ano

O valor médio a que os bancos avaliam as casas no âmbito da concessão de crédito à habitação tem vindo a aumentar todos os meses. Em dezembro de 2019, atingiu 1.321 euros por metro quadrado (m2), mais 9 euros (0,7%) que em novembro e mais 101 euros (8,3%) que no período homólogo. No conjunto do ano, a média fixou-se em 1.286 euros, mais 7,9% que em 2018.

Notícia sobre:
Gtres

Avaliação bancária de casas (já) está nos 1.312 euros por m2, um novo máximo

O valor pelo qual os bancos avaliam as casas para efeitos de concessão de crédito à habitação está a subir desde abril de 2016. Em novembro, o valor médio do metro quadrado (m2) fixou-se nos 1.312 euros, mais 8 euros (0,6%) que no mês anterior e mais 97 euros (8%) que no período homólogo. É o valor mais alto desde que o INE tem dados – janeiro de 2011.  

Notícia sobre:

Avaliação bancária de casas dispara: subiu 92 euros por m2 num ano

A avaliação bancária de casas para efeitos de concessão de crédito à habitação está a subir há 31 meses, ou seja, desde abril de 2017. Em outubro, o valor médio do m2 fixou-se nos 1.304 euros, mais 92 euros que há um ano. Trata-se de um novo máximo histórico.

Notícia sobre:

Peritos avaliadores imobiliários juntam-se hoje em Lisboa: “Esperamos mais de 300 pessoas”

A Associação Profissional das Sociedades de Avaliação (ASAVAL) realiza esta sexta-feira um congresso em Lisboa que tem como tema “O Valor de Mercado como Base de Avaliação”. “Esperamos mais de 300 pessoas, sendo expectável que este seja o congresso ASAVAL mais concorrido de sempre”, diz ao idealista/news Paulo Barros Trindade, presidente da entidade.

Notícia sobre:

Avaliação bancária de casas sobe há 29 meses e chega aos 1.288 euros por m2 (um novo máximo)

A avaliação que os bancos fazem às casas no âmbito da concessão de crédito à habitação está a subir há 29 meses consecutivos, ou seja, desde março de 2017. Em agosto atingiu os 1.288 euros por metro quadrado (m2), o valor mais elevado de sempre.

Notícia sobre:

Avaliação das casas continua a subir e atinge novo máximo: 1.283 euros por m2

Os preços de venda das casas começam a estabilizar e dar sinais de queda, mas os bancos continuam cada vez a dar mais valor aos imóveis na hora de dar crédito à habitação. Há 28 meses consecutivos a subir, a avaliação bancária voltou a atingir um novo máximo em julho, fixando-se nos 1.283 euros por metro quadrado, em termos médios, 11 euros mais do que no mês anterior.

Notícia sobre: