Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Compra e Venda de casas

Últimas notícias sobre "Compra e Venda de casas" publicadas em idealista.pt/news

Sesimbra Cliffs traz ao mercado 53 apartamentos prontos a habitar e... dá resposta à pandemia

O Sesimbra Cliffs traz ao mercado 53 novos apartamentos prontos a habitar, desde o estúdio ao T3, com áreas entre os 45 e os 128 metros quadrados (m2). Os preços começam nos 150.000 euros. São imóveis prontos para serem entregues, sendo que as visitas físicas e virtuais já arrancaram. O empreendimento, que está localizado de frente para o mar na vila piscatória de Sesimbra, a 40 minutos de Lisboa, visa dar resposta aos requisitos de uma nova procura que emerge com a pandemia da Covid-19, o crescimento do teletrabalho e a maior valorização da fruição do lar, refere, em comunicado, a JLL, responsável pela comercialização dos imóveis

Notícia sobre:

Custos de vender a casa: guia útil para proprietários

Quanto custa aos proprietários vender uma casa? Que impostos é preciso pagar e quais são os documentos a ter em conta na hora de vender uma casa? E que impacto tem no orçamento todo o processo relativo à transação de um imóvel? Preparámos um guia, com a ajuda da Deco – Associação Portuguesa para a Defesa do Consumidor, que responde a todas estas questões. Sim, porque mesmo em tempos de pandemia da Covid-19, o mercado imobiliário não parou, pelo contrário, mostrou estar resiliente. Contamos-te tudo sobre este assunto no artigo de hoje da Deco Alerta.

Notícia sobre:

Imocionate realiza-se online: “Objetivo é transmitir conhecimento num curto espaço de tempo”

Vários eventos imobiliários foram cancelados este ano devido à pandemia da Covid-19 e outros foram “adaptados”, passando a realizar-se em formato híbrido, como por exemplo o Salão Imobiliário de Portugal (SIL). O mesmo acontece com a edição deste ano, a 4ª, do Imocionate, que se realizará online na tarde da próxima terça-feira, dia 3 de novembro de 2020. “É uma versão mais curta, de apenas uma tarde, focada em três sessões-chave, em que o objetivo é transmitir conhecimento num curto espaço de tempo, para que os profissionais do setor possam estar focados nos seus negócios”, começa por dizer ao idealista/news Pedro Pereira, diretor de Marketing da UCI, patrocinador oficial do evento.

Notícia sobre:

Cedros Lux Design, um edifício com 19 apartamentos que dará vida a um “bairro histórico” do Porto

O Cedros Lux Design, um novo empreendimento localizado numa das zonas mais privilegiadas do Porto – encontra-se a poucos metros da icónica Avenida Dr. Antunes Guimarães, a 500 metros do IPAM, a 200 metros da faculdade ISAG e a 300 metros da AEP –, está a ser comercializado pela Century 21 Portugal. Trata-se de um edifício de cinco pisos com 19 frações de diversas tipologias, desde T1 a T3.

Notícia sobre:

Como superar o tabu da prospeção? Novo livro visa ajudar os agentes imobiliários neste desafio

“O Poder Da Prospeção. Tudo Sobre a Geração de Contactos na Mediação Imobiliária. Um Negócio de Pessoas para Pessoas”. Assim se chama o novo livro de Massimo Forte, o quarto do consultor independente especializado em mediação imobiliária. O lançamento da obra está agendado para dia 29 de outubro, às 21h00, e poderá ser acompanhado online, via Facebook e Instagram. As pré-vendas começaram esta quinta-feira (22 de outubro), através do site do autor, e arrancarão em breve também na Fnac.

Notícia sobre:

“Nada fazia prever que o setor imobiliário registasse este comportamento em 2020”, diz Luís Lima

No segundo trimestre de 2020, venderam-se em Portugal 33.398 alojamentos familiares, menos 23,3% que no trimestre anterior e menos 21,6% que no período homólogo. Um decréscimo que já era esperado e que se deve à pandemia da Covid-19, refere Luís Lima, presidente da Associação dos Profissionais e Empresas de Mediação Imobiliária de Portugal (APEMIP), adiantando que “nada fazia prever que o setor imobiliário registasse este comportamento no decorrer de 2020”.

Notícia sobre:
Gtres

Preço das casas ainda sobe em tempos de pandemia, mas menos – e venda de imóveis cai a pique

A Covid-19 deixou marcas em todos os setores de atividade, e o imobiliário não é exceção. Os preços das casas continuaram, no entanto, a subir em tempos de pandemia, tendo aumentado 7,8% no segundo trimestre de 2020. Trata-se, contudo, de um crescimento homólogo 2,5% inferior ao registado nos primeiros três meses do ano (10,3%). Os dados divulgados esta terça-feira (22 de setembro de 2020) pelo Instituto Nacional de Estatística (INE) permitem ainda concluir que foram transacionados, entre abril e junho, 33.398 alojamentos, com um valor total de 5,1 mil milhões de euros, menos 21,6% e 15,2%, respetivamente, que no mesmo período do ano passado.

Notícia sobre:

Coldwell Banker reforça equipa de expansão e “aspira a um crescimento sólido e sustentado”

A Coldwell Banker Portugal, que “aterrou” em Portugal em abril de 2018 – foi fundada nos EUA, em 1906, e define-se como “a mais antiga e bem estabelecida rede imobiliária do mundo” –, anunciou esta terça-feira (15 de setembro de 2020) que contratou Mónica Felgueiras para o cargo de diretora de expansão, juntando-se assim a Jorge Madrugo Garcia. 

Notícia sobre:

Vendas da Keller Williams disparam em plena pandemia: crescem 46% em julho e 61% em agosto

O volume de vendas da Keller Williams (KW) Portugal, empresa global de formação e consultoria especializada no ramo de mediação imobiliária – chegou a Portugal em setembro de 2014 –, cresceu 46% e 61% em julho e agosto de 2020, respetivamente, face aos mesmos meses do ano passado. Estes foram os dois melhores meses de 2020 da empresa, em plena pandemia da Covid-19, no que diz respeito ao crescimento do volume de vendas.

Notícia sobre:

Preço das casas de luxo em Lisboa disparou 98% na última década

Os preços das casas de luxo em Lisboa dispararam 98% na última década, ou seja, entre 2010 e 2020. Em causa estão dados divulgados pela consultora Savills, que prevê que os valores praticados no segmento residencial premium na capital superem, nos próximos cinco anos, os verificados em cidades como Londres (Reino Unido), Nova Iorque (EUA) e Hong Kong.

Notícia sobre: