Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Mercado residencial

Últimas notícias sobre "Mercado residencial" publicadas em idealista.pt/news

Empreendimento Antas Build / Tecnibuild/Legendre

Consórcio luso-francês cria marca promotora Solive após sucesso do Antas Build

Localizado numa zona nobre da cidade do Porto, o empreendimento Antas Build veio preencher uma lacuna na procura, sobretudo da classe média alta, que ansiava por um projeto residencial de qualidade. Prova disso é que as vendas do condomínio na Alameda das Antas se revelaram “um sucesso, com a maioria das unidades já vendidas, restando apenas 14 unidades, de um total de 93”, tal conta ao idealista/news Paulo Ramos, administrador do grupo Tecnibuild, que está a desenvolver o projeto em parceria com a Legendre.

Notícia sobre:

"Apesar do abrandamento, fruto da crise pandémica, os fundamentos do mercado mantêm-se intactos"

Ao contrário do que acontece normalmente com as empresas construtoras portuguesas, a Tecnibuild começou a sua atividade no estrangeiro. Foi já com as operações consolidadas nos mercados internacionais que a empresa de origem lusa começou a trabalhar no mercado interno. Por isso, o administrador Paulo Ramos diz que "foi mais um processo de ‘nacionalização’ que de internacionalização", o que viveu esta construtora com sede em Braga. Em entrevista ao idealista/news, o gestor conta como evoluiu o negócio da Tecnibuild, analisando também o impacto da pandemia a nível nacional, no setor da construção e no mercado imobiliário.

Notícia sobre:

Casas com "novo conceito de luxo e preços equilibrados" a nascer no antigo estádio das Antas

Foi com o foco em resolver o "enorme” problema da falta de oferta de habitação nova para a classe média que a 'joint venture' Quantico/Albatross Capital projetou o Antas Atrium, um empreendimento residencial que vai começar a ser construído em breve, entre maio e junho, deste ano. Este projeto imobiliário vai dar uma nova vida ao terreno que um dia foi a morada do antigo estádio das Antas, no Porto.

Notícia sobre:

Construir para arrendar: 8.000 novas casas no mercado até 2024

O mercado de built to rent (construir para arrendar) deverá ganhar um novo impulso em Portugal nos próximos anos. Até 2024, estima-se que venham a entrar no mercado mais de 8.000 novos fogos deste tipo, especialmente em localizações menos centrais das cidades ou suburbanas com bons acessos a Lisboa e Porto, embora a maioria se encontre ainda em fase de licenciamento e alguns sejam de iniciativa municipal, revela o Marketbeat Portugal Primavera 2021, da consultora Cushman & Wakefield (C&W).

Notícia sobre: