Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Campus da Asprela: maioria dos apartamentos do Parque dos Sobreiros vendidos

Empreendimento com 134 apartamentos está rodeado por 22 sobreiros centenários. Deverá estar concluído até junho de 2023.

Campus da Asprela: maioria dos apartamentos do Parque dos Sobreiros vendidos
Parque dos Sobreiros
Autor: Elisabete Soares (colaborador do idealista news)

Localizado no Campus da Asprela, em Paranhos, Porto, o empreendimento Parque dos Sobreiros é já um sucesso de vendas, isto apesar de ainda estar a ser construído – deverá estar concluído até junho de 2023. Constituído por um total de 134 apartamentos, tem, neste momento, parte significativa da oferta residencial já comercializada. 

A 1ª fase do empreendimento, lançada no início de abril, com 56 apartamentos T1, foi vendida na totalidade em cerca de mês e meio. A segunda fase, com 78 apartamentos, de tipologias T0, T1 e T2, foi iniciada a 17 de maio, sendo que mais de metade das frações tem dono.

“Estes dados são demonstrativos da recetividade que este empreendimento está a ter junto dos clientes”, diz ao idealista/news Paula Cardoso, diretora da Remax Convictus D’Ouro, agência localizada na Rua do Amial e responsável pela comercialização do Parque dos Sobreiros.

A promoção do Parque dos Sobreiros está a cargo da Panorama Colossal, empresa que está no mercado da construção residencial há vários anos e que está também a promover o Living Paranhos.

Campus da Asprela: maioria dos apartamentos do Parque dos Sobreiros vendidos
Parque dos Sobreiros

Preços entre 160.000 e 298.000 euros

A maior parte dos apartamentos do Parque dos Sobreiros são T1, sendo que os preços de venda variam entre 160.000 e 175.000 euros, com áreas interiores entre 50 e 60 metros quadrados (m2). Já as frações T0 custam entre 150.000 e 160.000 euros, com áreas na ordem dos 40 m2. Os T2, localizados no piso superior, apresentam áreas acima dos 90 m2 e os preços variam entre 278.000 e 298.000 euros.

“Apesar dos tempos de pandemia que estamos a passar, a excelente localização, a elevada qualidade de construção e o cuidado no desenvolvimento do projeto – mantendo uma zona verde e apostando na preservação da natureza – fazem com que quem conhece o empreendimento fique de tal forma surpreendido que não tenha receio em fazer aqui uma compra”, afirma a responsável da Remax Convictus D’Ouro.

Os compradores são, na sua maioria, investidores, sendo que alguns compram para rentabilizar no futuro, através do mercado de arrendamento, e outros para voltar a vender os imóveis.

De acordo com Paula Cardoso, “ao comprar em planta, existe a vantagem de comprar a preços mais acessíveis”. “Os pagamentos são também faseados, pelo que existe a vantagem de serem feitos por tranches à medida que a construção avança, não sendo assim necessário disponibilizar montantes muito elevados no momento de fazer o Contrato de Promessa de Compra e Venda (CPCV)”, acrescenta. 

Campus da Asprela: maioria dos apartamentos do Parque dos Sobreiros vendidos
Parque dos Sobreiros

Projeto rodeado por sobreiros centenários

Os futuros habitantes do empreendimento Parque dos Sobreiros irão “beneficiar do privilégio de viver na cidade rodeado e em comunhão com sobreiros centenários”, destaca Paula Cardoso.

“São 22 os sobreiros genuínos Quercus Suber, uma espécie protegida, cujas características incluem a conservação do solo, a regulação do ciclo da água, a diminuição das emissões de carbono e a conservação da biodiversidade”, conta. 

É neste ambiente de natureza que foi implantado o novo empreendimento Parque dos Sobreiros, que surge também como prolongamento natural do Parque Central da Asprela, um ambicioso arranjo urbanístico, promovido pela autarquia do Porto, que se encontra em construção, e que, a partir dos primeiros meses de 2022, vai passar a ‘ligar’ as várias faculdades e centros de investigação da Universidade do Porto existentes no Polo da Asprela. Insere-se, deste modo, no mais recente e ativo ‘pulmão verde’ da cidade do Porto. 

Assim, esta zona vai apresentar um “ambiente único na cidade, com relvados relaxantes e infraestruturas de base, como ciclovias, percursos pedonais e outros equipamentos de lazer”, destaca Paula Cardoso.

Frisa, ainda, que o empreendimento foi pensado e projetado de forma a interferir o menos possível com a paisagem e preservando a flora existente. 

Campus da Asprela: maioria dos apartamentos do Parque dos Sobreiros vendidos
Parque dos Sobreiros

Poupança de energia é aposta

O edifício do Parque dos Sobreiros vai apostar no isolamento térmico de forma a potenciar a poupança de energia, sendo isso mesmo visível na caixilharia com corte térmico e vidro duplo incolor. Destaque para a proteção térmica dos vãos, garantida por estores em alumínio térmico.

Ainda em termos de isolamentos serão aplicados tetos falsos rebaixados em gesso cartonado e isolamentos acústicos.

Os apartamentos ficarão equipados com aquecimento central completo, com convetores elétricos na sala e no quarto e bomba de calor para aquecimento das águas e rede de gás canalizado.

Campus da Asprela: maioria dos apartamentos do Parque dos Sobreiros vendidos
Parque dos Sobreiros

Terá portas corta-fogo blindadas nos acessos aos patamares das habitações, com fechadura de alta segurança.

Todos os apartamentos possuem um lugar de estacionamento. A garagem ficará dotada de uma rede de segurança contra incêndio e rede de ventilação e desenfumagem.

Como equipamentos do condomínio destaca-se as duas lavandarias equipadas com máquinas de lavar e secar semi-industriais, do tipo self-service, para utilização exclusiva dos condóminos.

Campus da Asprela: maioria dos apartamentos do Parque dos Sobreiros vendidos
Parque dos Sobreiros

Pavimento flutuante em reguado de freixo

Em termos de acabamentos o destaque vai para as carpintarias, portas, armários-roupeiros, apainelados e rodapés em MDF, pintados a branco, enquanto o pavimento será em reguado de madeira de freixo ou similar. Os tetos terão projetores LED encastrados e haverá nas salas uma sanca de luz em fita LED.

Já as cozinhas terão móveis com acabamento lacado branco e os tampos em ‘compac’ quartzo cinza ou similar. 

Campus da Asprela: maioria dos apartamentos do Parque dos Sobreiros vendidos
Parque dos Sobreiros