Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Feira Popular de Lisboa

Últimas notícias sobre "Feira Popular de Lisboa" publicadas em idealista.pt/news

Luz verde para a construção da nova sede da Fidelidade em Entrecampos

A Câmara Municipal de Lisboa (CML) aprovou, quinta-feira (11 de fevereiro de 2021), a emissão de um Pedido de Informação Prévia (PIP) favorável quanto à viabilidade de construir a nova sede da seguradora Fidelidade em Entrecampos, com os votos contra do BE e do PCP. 

Notícia sobre:

Construção da nova sede da Fidelidade em Entrecampos votada hoje

A construção da nova sede da Fidelidade em Entrecampos, Lisboa, é votada esta quinta-feira (11 de fevereiro de 2021), devendo o projeto, que será discutido em reunião camarária, receber luz verde. Em causa está um pedido de informação prévia relativo a um terreno na Avenida Álvaro Pais, para onde a seguradora tem planeado um edifício com oito pisos.

Notícia sobre:

Alterações à operação de loteamento da antiga Feira Popular de Lisboa aprovadas pela câmara

As alterações à operação de loteamento prevista para os terrenos da antiga Feira Popular de Lisboa, em Entrecampos – adquiridos pela Fidelidade –, foram aprovadas pela Câmara Municipal de Lisboa (CML) esta quinta-feira (23 de julho de 2020), na condição de avaliar posteriormente os impactos decorrentes do parque de estacionamento e respetivas rampas de acesso.

Notícia sobre:

Projeto da Fidelidade para terrenos da antiga Feira Popular assinado por Siza Vieira e Souto de Moura

A Fidelidade, que em dezembro de 2018 comprou os terrenos da antiga Feira Popular de Lisboa, em Entrecampos, apresentou parte do projeto previsto para o local, que terá a assinatura dos dois arquitetos portugueses mas conceituados, Eduardo Souto de Moura e Álvaro Siza Vieira, já vencedores do Prémio Pritzker. O masterplan foi apresentado dia 16 de julho de 2020 em reunião camarária aos vereadores da Câmara Municipal de Lisboa (CML), que devem decidir esta semana se o aprovam ou não – a reunião está marcada para dia 23.

Notícia sobre:

Feira Popular de Lisboa com decisão “favorável condicionada” do ambiente – projeto será adaptado

Luz ao fundo do túnel para a construção da futura Feira Popular de Lisboa, num terreno em Carnide com cerca de 20 hectares? A Declaração de Impacte Ambiental (DIA) já foi publicada, mas aponta impactos negativos em termos de saúde, ruído e alterações climáticas, tendo, por isso, uma decisão “favorável condicionada”. A Câmara Municipal de Lisboa (CML) terá agora de apresentar o projeto final, com adaptações, e só depois é que receberá a aprovação final em termos ambientais.

Notícia sobre:

Feira Popular de Lisboa em consulta pública: recebeu 46 participações e 30 delas contra

Foi em novembro de 2015, há quatro anos e meio, que se soube que ia voltar a haver uma Feira Popular em Lisboa, mais concretamente em Carnide, num terreno com cerca de 20 hectares que a Câmara Municipal de Lisboa (CML) comprou por 11,5 milhões de euros. O projeto para a construção do espaço esteve em consulta pública 44 dias e foram recebidas 46 participações, a maioria das quais de “discordância”, conclui o relatório da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional (CCDR) de Lisboa e Vale do Tejo.

Notícia sobre:

Fidelidade é (oficialmente) dona de todos os lotes de terreno da antiga Feira Popular de Lisboa

A Fidelidade é agora proprietária de todos os lotes do megaprojeto que irá nascer em Entrecampos. A empresa ganhou uma hasta pública para a construção de um parque de estacionamento subterrâneo com 428 lugares na zona da antiga Feira Popular de Lisboa, ficando com o direito de superfície da parcela de terreno por 4,5 milhões de euros.

Notícia sobre:

Projeto imobiliário de Entrecampos fará nascer novo centro de negócios e habitação em Lisboa

Miguel Santana, administrador da Fidelidade Property Europe, não tem dúvidas de que o projeto imobiliário nos antigos terrenos da Feira Ppoupar “vai criar uma nova centralidade em Lisboa”.

Notícia sobre: