Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

FMI

Últimas notícias sobre "FMI" publicadas em idealista.pt/news

Portugal tem os custos laborais mais baixos entre os países que foram alvo de ajustamento

A economia portuguesa tem os custos laborais mais baixos no conjunto dos países que foram submetidos a programas de ajustamento na sequência da crise financeira e da dívida, conclui o Fundo Monetário Internacional (FMI). 

Notícia sobre:

Escalada dos preços das casas ameaça economia portuguesa, avisa FMI

O mercado imobiliário em Portugal constitui um perigo para o sistema financeiro e para as economia nacional e europeia. O aviso é dado pelo FMI, no mais recente relatório sobre a Zona Euro. No panorama nacional, várias entidades, tais como o Banco de Portugal e a CMVM, têm vindo a fazer soar os alarmes no mesmo sentido.

Notícia sobre:

Desde 2000 que o poder de compra dos portugueses não subia tanto

No ano passado o PIB per capita dos portugueses subiu 2,9% Segundo os dados do FMI, é preciso recuar ao ano de 2000 para encontrar um crescimento maior. Portugal tem mais poder de compra, mas continua na 47ª posição no ranking de países mais ricos.

Notícia sobre:

Lisboa é das cidades em que os preços das casas menos subiram, conclui FMI

Lisboa é, num grupo de mais de 40 capitais mundiais, uma das cidades que teve aumentos mais suaves nos preços da habitação entre 2013 e 2017, em termos reais (descontando a inflação). Em causa está um estudo do FMI.

Notícia sobre:

FMI otimista: economia portuguesa deve crescer 2,4% este ano

O Fundo Monetário Internacional (FMI) está otimista. Estima que economia portuguesa cresça 2,4% em 2018, ainda que continue a prever um abrandamento para o próximo ano. António Costa defende que estas “projeções otimistas” não se devem “aos astros”.

Notícia sobre:

FMI atento à subida dos preços das casas em Portugal

Comprar casa em Portugal é cada vez mais caro, uma tendência que não está a passar ao lado do Fundo Monetário Internacional (FMI). A entidade alertou para a necessidade de se monitorizar esta escalada para evitar problemas do passado, nomeadamente ao nível de incumprimentos no crédito à habitação.

Notícia sobre:

Portugal deve aproveitar recuperação económica para reduzir dívida, alerta FMI

O Fundo Monetário Internacional (FMI) defende que os países europeus com dívidas públicas, como Portugal, devem aproveitar a recuperação económica para criar “almofadas orçamentais” e reduzir o endividamento. “Os decisores políticos devem tirar vantagem das perspetivas positivas para reconstruir ‘almofadas’ orçamentais e desenvolver a capacidade da economia crescer e absorver choques”, aconselha o FMI.

Notícia sobre:

Governo anuncia reembolso de mais de 3.000 milhões de euros ao FMI

Portugal deverá realizar um novo pagamento antecipado ao Fundo Monetário Internacional (FMI) “muito em breve”. Segundo o ministro das Finanças Mário Centeno, que falava aos jornalistas em Bruxelas, o país deverá reembolsar mais 3.000 milhões de euros do empréstimo. Ou seja, o Governo pagará mais 1.000 milhões de euros que o previsto.

Notícia sobre:

Portugal pagou 1.000 milhões de euros antecipadamente ao FMI

O Estado português pagou esta quarta-feira, antecipadamente, 1.000 milhões de euros do empréstimo do Fundo Monetário Internacional (FMI) e reembolsará mais 2.000 milhões até final do ano. "Estão liquidados 66% do empréstimo do FMI, de 26.300 milhões de euros", anunciou, em comunicado, o ministério das Finanças.

Notícia sobre:

Estado poupa 60 milhões de euros em juros por ano com reembolsos ao FMI

Portugal pagou antecipadamente 3.550 milhões de euros ao Fundo Monetário Internacional (FMI) este verão depois de, no final de junho, os parceiros europeus terem dado luz verde para mais reembolsos deste tipo. Para compensar estas amortizações sem ter de aumentar o recurso ao mercado, o Tesouro utilizou um empréstimo concedido pelo Santander e instrumentos de retalho, e assim pode poupar cerca de 60 milhões de euros ao ano em juros.

Notícia sobre: