Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Ministro da Economia garante que a carga fiscal vai descer para “todos os portugueses” em 2017

Autor: Redação

O ministro da Economia, Manuel Caldeira Cabral, assegurou que o Orçamento de Estado para 2017 (OE2017) trará “uma diminuição da carga fiscal” para todos os portugueses. Uma descida, no entanto, inferior à desejada pelo Governo.

“O que frisei ontem [quarta-feira] é que este ano e em 2017, e é isso que está previsto, vai haver uma diminuição da carga fiscal, que será eventualmente menor do que nós desejaríamos. Mas consistentemente vamos ter dois anos de redução da carga fiscal sobre todos os portugueses”, disse o governante esta quinta-feira (dia 8), durante a cerimónia de anúncio dos Prémios Europeus de Promoção Empresarial 2016.

O ministro respondia aos jornalistas depois de ter sido confrontado com uma entrevista dada quarta-feira (dia 7) à SIC, na qual admitia que um ajustamento dos escalões do IRS pode levar a um aumento da taxa aplicável nos escalões mais elevados (classes mais altas), escreve a Lusa.

Caldeira Cabral disse, na referida entrevista, que “a progressividade poderá afetar as classes mais altas marginalmente”. “Um ajustamento de escalões [existentes] poderá ter um efeito desse género”, frisou, recusando, no entanto, a existência de um “agravamento da fiscalidade sobre a classe média”.