Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Gestores

Últimas notícias sobre "Gestores" publicadas em idealista.pt/news

Caso EDP: guia para entender o que está em causa

António Mexia, presidente da EDP, e João Manso Neto, presidente da EDP Renováveis, foram suspensos das funções pelo juiz do Tribunal Central de Instrução Criminal, Carlos Alexandre, tal como tinha sido solicitado pelo Ministério Público (MP), para não perturbarem a investigação de que são alvo. Os dois gestores são suspeitos, em coautoria, da prática de quatro crimes de corrupção ativa e de um crime de participação económica em negócio, tendo sido constituídos arguidos há cerca de três anos. Agora ficam também proibidos de viajar para o estrangeiro, impedidos de entrar nos edifícios da EDP e contactar com com arguidos e testemunhas.

Notícia sobre:

Mota-Engil coloca ex-administrador da Sonangol e da CGD no topo da gestão

O economista português Emídio Pinheiro, depois de passar pelas cúpulas da Sonangol Holdings e Indústria e da Caixa Geral de Depósitos (CGD), entra agora na administração da Mota-Engil, como vogal do conselho da construtora portuguesa. 

Notícia sobre:

Tens ou vais abrir uma empresa? 5 lições para chegares ao sucesso, sem meter o pé na poça

Gerir um negócio não é tarefa fácil. Há um sem número de questões com as quais um gestor tem de saber lidar ao longo da sua carreira, sobretudo se quiser evitar problemas e sarilhos desnecessários. E a tarefa não é complicada apenas para os mais jovens empresários, os mais experientes também têm de estar atentos. Procuras o sucesso? Fica atento a estas 5 lições empresariais.

Notícia sobre:

Quem é Miguel Maya, o novo presidente executivo do BCP?

Eleito na assembleia-geral de 30 de maio de 2018, Miguel Maya teve esta segunda-feira luz verde do Banco Central Europeu (BCE) para ser o novo presidente executivo do BCP. Nuno Amado, até agora o CEO do banco, passa a presidente do conselho de administração ('chairman', não executivo). No total, o novo conselho de administração é composto por 17 elementos.

Notícia sobre:

Jorge Coelho de volta à administração da construtora Mota Engil

Em janeiro de 2013, o ex-ministro socialista demitiu-se da presidência executiva da Mota-Engil, invocando motivos pessoais. Desde aí, manteve a ligação ao grupo nortenho como consultor e agora está de volta à administração, juntamente com o embaixador Seixas da Costa.

Notícia sobre:

Miguel Poisson troca liderança da ERA pela da Sotheby’s Portugal

Aos 46 anos, e depois de uma década na ERA, Miguel Poisson Alves é agora o novo diretor da Sotheby’s International Realty em Portugal. Assumindo-se como um viajante, o gestor natural de Vila Nova de Gaia - filho de pai português e mãe francesa - tem proveitado o tempo de estudos, de trabalho e de lazer para conhecer o mundo e já viveu em 21 casas, em sete países diferentes.

Notícia sobre:

Gestores das cotadas ganham até 100 vezes mais que os trabalhadores

Os CEO das 14 cotadas do PSI-20 que já apresentaram os seus relatórios de Governo das Sociedades de 2016 ganharam em média 876.000 euros de salário no ano passado. Em alguns casos, o valor chega a ser 100 vezes superior ao auferido pelos trabalhadores das respetivas empresas.

Notícia sobre:

Montepio: Tomás Correia admite sair se for considerado culpado

O presidente da Associação Mutualista Montepio Geral (AMMG), António Tomás Correia, disse que levará até ao fim o mandato para o qual foi eleito, a não ser que seja considerado culpado. Em causa está o facto do Banco de Portugal (BdP) o ter acusado, assim como a outros oito ex-gestores do Montepio, de ter financiado o GES numa altura em que o BES já apresentava dificuldades financeiras em 2014.

Notícia sobre:

Advogados de António Domingues pagos pela CGD

O processo de negociação das alterações ao Estatuto do Gestor Público (EGP), que meteram fim aos tetos salariais na CGD e supostamente permitiam que os gestores da Caixa não fossem obrigados a entregar as declarações de rendimentos e património no Tribunal Constitucional, começou a mover-se pela mão de António Domingues, ainda antes de o ex-presidente do banco público ter assinado o contrato para o cargo. E a fatura dos advogados que assessoraram o gestor nesse momento, antes de estar em funções, terá sido paga pela CGD e não por Domingues.

Notícia sobre:

Alberto da Ponte morre aos 64 anos, deixando uma vida de negócios

O gestor e empresário Alberto da Ponte morreu este sábado, aos 64 anos, vítima de cancro. Licenciado em Ciências Económicas e Financeiras pelo ISEG e com um curso superior na mesma área na Harvard Business School em Boston, nos Estados Unidos, foi presidente do Conselho de Administração da RTP, CEO da Sociedade Central de Cervejas e Bebidas (SCC) e antes disso ocupou cargos de gestão na Unilever e Jerónimo Martins.

Notícia sobre: