Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Recuperação de edifícios

Últimas notícias sobre "Recuperação de edifícios" publicadas em idealista.pt/news

Fundo Nacional de Reabilitação do Edificado está a “ganhar forma”

O Fundo Nacional de Reabilitação do Edificado (FNRE) – o primeiro fundo português a ser constituído por fundos – é uma aposta do Governo, sendo um dos programas que compõem a Nova Geração das Políticas de Habitação. Foi lançado em abril de 2016, mas ainda não entrou em funcionamento. A sua constituição está, no entanto, em estado avançado.

Notícia sobre:

Câmara do Porto descarta direito de preferência na compra do antigo colégio Almeida Garrett

A Câmara do Porto não vai exercer o direito de preferência na compra do antigo colégio Almeida Garrett, por 6,1 milhões de euros. A proposta, apresentada pela bancada socialista, foi chumbada pela maioria absoluta de Rui Moreira e pelo vereador PSD Álvaro Almeida.

Notícia sobre:

Governo quer que a reabilitação urbana “passe a ser a regra e não a exceção”

O Governo pretende criar condições para que “a reabilitação urbana passe a ser a regra e não a exceção”. A garantia foi dada secretária de Estado da Habitação na abertura da V Semana da Reabilitação Urbana do Porto, que se realiza até domingo (12 de novembro). Para cimentar essa estratégia, é necessário estabelecer “um quadro regulamentar adequado às exigências e especificidades da reabilitação de edifícios”, adiantou Ana Pinho.

Notícia sobre:

Restauro do Mercado do Bolhão adjudicado por 22,4 milhões de euros

O restauro do Mercado do Bolhão foi adjudicado por 22,4 milhões de euros. A empreitada, que deverá estar concluída dentro de dois anos, vai arrancar no início do próximo ano. A Câmara Municipal do Porto (CMP) revelou ainda ter submetido uma nova candidatura a fundos europeus para o restauro e modernização do espaço.

Notícia sobre:

BEI dá 300 milhões a Portugal para reabilitação urbana

Um novo impulso acaba de ser dado à reabilitação urbana em Portugal. O Banco Europeu de Investimento (BEI) vai conceder um empréstimo de 300 milhões de euros, que se destina a financiar o Instrumento Financeiro para a Reabilitação e a Revitalização Urbanas (IFRRU 2020), do qual assinou esta semana a concessão da primeira tranche de 100 milhões de euros com as autoridades nacionais.

Notícia sobre:

Cascais: antigo Hotel Nau será um prédio de habitação, comércio e serviços

Depois de duas décadas e de um longo processo judicial, os terrenos do antigo Hotel Nau vão receber um novo projeto. No espaço devoluto, localizado à entrada da cidade de Cascais, junto à estação de comboios, vai nascer o Edifício D.Pedro, um empreendimento que irá incluir espaços de habitação, comércio e serviços.

Notícia sobre:
Deezen

Mudança radical: de antigo armazém do início do século XX a creche com parque infantil no telhado

Notícia sobre:

Palácio dos Príncipes no Porto convertido em edifício residencial de luxo

Localizado no centro do Porto, no gaveto da Rua Miguel Bombarda com a Rua de Cedofeita, o Palácio dos Princípes acaba de ser reabilitado e convertido num edifício residencial para o segmento alto. O Imóvel histórico, que está agora em fase de comercialização pela Predibisa, passa a oferecer habitação com apartamentos de tipologias de T0 a T2, distribuídos por quatro pisos e comércio com cinco lojas no rés-do-chão.

Notícia sobre:
Deezen

Dormir num hotel na Dinamarca que em tempos foi uma carruagem de comboio

Todas as quartas-feiras mostramos-te um hotel com encanto. Esta semana fazemos as malas e apanhamos o avião com destino a Aarhus, na Dinamarca, para conhecer um alojamento muito peculiar. Trata-se de um hotel criado numa carruagem de um antigo comboio que tem apenas um quarto e que está rodeado por uma estufa e por várias lojas. Tudo isto numa antiga zona industrial.
Notícia sobre:
Gtres

A beleza de um antigo palácio real holandês transformado em hotel de luxo

Todas as quartas-feiras mostramos-te um hotel com encanto. Esta semana apresentamos aquele que será um futuro alojamento de luxo na Holanda. E num cenário idílico. Falamos do Palácio Soestdijk, um dos quatro palácios oficiais da família real holandesa – está localizado entre Utrech e Amesterdão –, que foi vendido por 1,7 milhões de euros ao consórcio Made in Holland, encabeçado pelo grupo imobiliário britânico Meyer Bergman.
Notícia sobre: