Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Mario Draghi

Últimas notícias sobre "Mario Draghi" publicadas em idealista.pt/news

Mario Draghi diz que é hora dos governos também ajudarem a economia

O BCE anunciou o corte da taxa de depósito para -0,5% e lançou um ambicioso pacote de medidas para tentar estimular a economia. Mas tais medidas podem ser insuficientes, avisou Mario Draghi, presidente do BCE, lembrando que os governos têm de começar a ajudar.

Notícia sobre:

Guia para entenderes a decisão do BCE de acabar com os estímulos à economia

O Banco Central Europeu (BCE) vai reduzir as compras de dívida pública na Zona Euro para 15 mil milhões de euros por mês a partir de setembro. Depois disso, e no final do ano, os estímulos terminam. E parece que os juros também podem subir já a partir do verão de 2019. Porquê? Explicamos-te tudo.

Notícia sobre:

Há sinais de bolha imobiliária? Mario Draghi diz que não

Mario Draghi não tem dúvidas: “Não há sinais de que se esteja a criar uma bolha no mercado imobiliário” na Zona Euro. O presidente do Banco Central Europeu (BCE) rejeitou, durante um discurso em Frankfurt (Alemanha), que a sua política de crédito barato esteja por detrás da subida dos preços na habitação nos países do Euro, entre eles Portugal, onde comprar casa está cada vez mais caro.

Notícia sobre:

Marcelo e António Costa almoçam com Draghi e Carlos Costa antes do Conselho de Estado

Marcelo Rebelo de Sousa e António Costa vão estar com Mario Draghi e com Carlos Costa antes do Conselho de Estado, onde o presidente do Banco Central Europeu (BCE) e o governador do Banco de Portugal (BdP) são convidados especiais do Presidente da República (PR).

Notícia sobre:

BCE volta a baixar taxas de juro para mínimos históricos

O Banco Central Europeu (BCE) anunciou esta quinta-feira (dia 10) que baixou a taxa de juro diretora para um novo mínimo histórico de 0% - estava em 0,05% desde setembro de 2014. Desta forma, a entidade liderada por Mario Draghi não vai cobrar dinheiro aos bancos para se financiarem diretamente através do regulador.

Notícia sobre:

Situação na Grécia melhora e BCE reduz liquidez de emergência para bancos helénicos

A situação na Grécia parece estar a melhorar e o Banco Central Europeu (BCE) decidiu reduzir o limite máximo da linha de liquidez de emergência disponibilizada para os bancos helénicos, num sinal de que estão amenizadas as restrições de liquidez.

Notícia sobre:

Assim é a nova sede do BCE (fotos e vídeo)

O BCE inaugurou dia 18 oficialmente a sua nova sede. Está localizada junto ao rio Main, em Frankfurt, e é um imponente arranha-céus de 45 andares, quase todo em aço e vidro. Segundo o presidente da entidade, o italiano Mario Draghi, trata-se de “um marco” para a cidade alemã. Erguer a “nova casa do BCE” custou 1.300 milhões, mais 50% que o previsto, o que tem causado muita indignação popular e polémica, já que os tempos são de austeridade.

Notícia sobre:

"Bazuca" do BCE impulsiona mercado imobiliário ibérico

A compra de 60.000 milhões de euros de dívida por mês por parte do BCE é uma boa notícia para países como Portugal e Espanha. Segundo a Cushman & Wakefield, é necessário “que os governos da Zona Euro sejam encorajados a adotar reformas estruturais ainda mais profundas”. “Serão os países que mais se comprometeram com este tipo de reformas, como Portugal ou Espanha, que mais irão beneficiar com estas medidas, assistindo muito provavelmente a um aumento da atividade de investimento”, refere a consultora.

Notícia sobre:

Banca nacional e FMI desconfiam do sucesso do programa do BCE

Portugal vai poder beneficiar de compras de dívida até 28,3 mil milhões de euros, no âmbito do programa lançado pelo Banco Central Europeu (BCE), anunciado ontem e que prevê a compra mensal de até 60 mil milhões de euros. O sistema financeiro nacional suspeita, no entanto, do sucesso desta medida que visa impulsionar a economia europeia.

Notícia sobre:

Crédito à habitação: prestação a descer com a ajuda do BCE – resumo 2014

Faltavam poucos dias para “fechar 2013” e já era levantada a hipótese de a prestação paga ao banco pelo empréstimo concedido para a compra de casa continuar a descer, o que augurava boas perspetivas para 2014. E assim foi. Após uma subida ligeira na mensalidade, esta voltou a cair, e para mínimos históricos, em outubro, já depois do BCE ter baixado as taxas de juro para um valor recorde de 0,05%.

Notícia sobre: