Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Ativos imobiliários

Últimas notícias sobre "Ativos imobiliários" publicadas em idealista.pt/news

Imobiliária do GES deixa de estar à venda e passa a gerir ativos em carteira

A Espírito Santo Property, empresa do antigo Grupo Espírito Santo (GES) deixou de estar no mercado para venda. Os gestores de insolvência, no Luxemburgo, decidiram antes passar a utilizar a companhia para rentabilizar os ativos que tem em carteira, para depois vendê-los, no médio prazo. Mas está inibida de fazer novas aquisições.

Notícia sobre:

Apollo está a negociar a compra dos 277 imóveis que a Fidelidade pôs à venda

A Apollo Global Management está a negociar com a Fidelidade a aquisição de um conjunto de 277 imóveis que a seguradora pôs à venda, dos quais 51% se localizam em Lisboa e 12% no Porto. 

Notícia sobre:

Lucros do Banco de Investimento Imobiliário crescem mais de 50% num ano

O Banco de Investimento Imobiliário (BII), que faz parte do universo BCP, fechou o ano de 2017 com lucros de 25,5 milhões de euros, o que corresponde a um aumento de 55% face aos 16,5 milhões de euros de 2016.

Notícia sobre:

Projetos turísticos da Comporta à venda para pagar dívidas do BES à CGD

O Fundo de Investimento que gere os ativos imobiliários da Herdade da Comporta – que pertenciam ao BES –  quer vender os dois maiores projetos turísticos que tem em carteira. A venda, garante o Fundo, pode ser a única de forma de saldar a dívida à Caixa Geral de Depósitos (CGD), a quem já deve perto de 120 milhões de euros.  

Notícia sobre:

Teixeira Duarte vai ter de vender 500 milhões em ativos

A Teixeira Duarte vai ter de vender um conjunto de ativos no valor de 500 milhões de euros, depois de ter fechado um acordo com o BCP, a CGD e o Novo Banco para a reestruturação e redução da dívida.

Notícia sobre:

Empresa que detém ativos imobiliários da Toys "R" Us em Portugal e Espanha entra em insolvência

A sociedade Toys “R” Us Iberia Real Estate, que detém 26 ativos imobiliários na Península Ibérica, deu entrada com um pedido de insolvência no tribunal do Comércio de Madrid. Em Portugal, a Toys "R" Us "opera" desde 1993, tendo 11 lojas.

Notícia sobre:

Banco espanhol cria veículo imobiliário para investir 50 milhões em Portugal

O Andbank España, entidade especializada em banca privada, acaba de lançar um veículo de investimento imobiliário, cujo objetivo é investir 50 milhões de euros no mercado português, sobretudo em ativos prime na zona de Lisboa. O Albatross Iberian Re Renovation Fund I pretende alcançar uma rentabilidade de 12% no prazo de seis anos, com a possibilidade de extender por outros dois, e está orientado para investidores qualificados, requerendo um investimento mínimo de 250 mil euros.

Notícia sobre:

Banco ING empresta 67 milhões para compra de ativos imobiliários em Portugal

O Banco ING - instituição financeira global, está a reforçar a aposta no setor imobiliário português. Vão chegar cerca de 67 milhões de euros a território nacional, cujo objetivo é o de financiar duas novas grandes operações de fundos internacionais.

Notícia sobre:

Sociedade de Bankinter e Sonae Sierra investe 61 milhões no primeiro semestre como cotada

A Ores Real Estate Socimi, o veículo de investimento imobiliário criado pela Sonae Sierra e o banco espanhol Bankinter, está a ponto de cumprir meio ano de que está cotada no mercado alternativo da bolsa espanhola (MAB) e já fechou seis operações. Tendo arrancado sem um único ativo, a sociedade investiu já mais de 60 milhões de euros na compra de sete ativos, cumprindo 15% do objetivo até ao final de 2018 e tornando-se proprietária de uma superfície total de 32.353 metros quadrados (m2), repartidos por toda a Península Ibérica.

Notícia sobre:

Santander negoceia venda de carteira imobiliária do Popular à Blackstone

O Santander, considerando que tem uma elevada exposição elevada ao setor imobiliário, decidiu vender a participação maioritária (51%) com que ficou na carteira imobiliária do Popular, que acaba de comprar. Depois de vários candidatos se terem apresentado na corrida, o Santander está agora a negociar com os americanos da Blackstone, cuja oferta suplantou as propostas apresentadas pela Apollo e pela Lone Star.

Notícia sobre: